Futebol Luan puxa a fila, e Corinthians tem maiores investimentos em reservas

Luan puxa a fila, e Corinthians tem maiores investimentos em reservas

Balanço financeiro de 2020 divulgado pelo clube detalha custos em contratações

Lance
Lance

Lance

Lance

O maior investimento do Corinthians em contratação de jogadores foi em Luan, que custou R$ 28,95 milhões, de acordo com o balanço financeiro divulgado pelo clube neste sábado. O montante é referente ao valor pago para comprá-lo do Grêmio, além de outros custos da negociação, como pagamento de luvas ao atacante e comissão a empresário.


Luan assinou vínculo válido até o fim de 2023, e o Timão tem 100% dos direitos econômicos. O atacante chegou como principal contratação, mas não conseguiu deslanchar e tem sido reserva. Ele soma 47 jogos disputados e sete gols marcados.

O Corinthians divulgou em seu balanço o custo de 33 jogadores. Da lista, após Luan, os próximos seis que mais demandaram investimento do clube também são reservas ou já não fazem parte do elenco atual.

Em segundo lugar da lista está o chileno Araos. Ele chegou ao clube no meio de 2018 e tem contrato até o fim de julho de 2023. O Corinthians pagou quase R$ 24 milhões para adquirir 100% dos direitos econômicos do jogador.

Em terceiro aparece Ramiro, que foi reserva no último jogo, embora tenha recebido chances como titular do técnico Vagner Mancini. Também ex-Grêmio, o meia custou R$ 19,7 milhões ao Corinthians, que adquiriu 70% dos direitos econômicos. Ele chegou ao clube no início de 2019 e tem contrato até o fim de 2022.

Na sequência vem o uruguaio Bruno Méndez, que foi contratado no início de 2019 e tem contrato até o fim de 2023. O Corinthians pagou quase R$ 22 milhões pelos 70% dos direitos econômicos do defensor.

Em quinto aparece o meia Junior Sornoza, que está emprestado ao Tijuana, do México. O investimento do Corinthians foi de R$ 11,5 milhões por 100% dos direitos econômicos. Ele foi contratado no início de 2019 e tem vínculo até o fim de 2022.

Na sexta colocação está Cantillo, mais um atualmente reserva. O volante colombiano custou R$ 10,5 milhões. O Corinthians detém 100% dos direitos econômicos.

Na sétima colocação aparece Richard, volante que atualmente está emprestado ao Athletico-PR. Ele custou R$ 10,4 milhões ao Corinthians, que adquiriu 70% dos direitos econômicos. O jogador tem contrato com o Timão até o fim de 2022.

A oitava colocação pertence a mais um jogador que não vem sendo utilizado por Mancini, mas por conta de lesão: o lateral-esquerdo/zagueiro Danilo Avelar. Em nono lugar está Mateus Vital, que vinha sendo destaque da equipe nesta temporada até passar por cirurgia no joelho nesta semana.

Últimas