Koeman disse a Messi que craque não teria privilégios, afirma jornal

Argentino interrompeu suas férias para conversar com o novo técnico do Barcelona sobre seu projeto esportivo para o clube. Jogador está próximo de saída definitiva da Catalunha

Lance

Lance

Lance

A reunião de Lionel Messi com o técnico Ronald Koeman também pode ter sido um dos motivos para que o argentino tomasse a decisão de deixar o Barcelona nesta temporada. De acordo com o diário “Olé”, da Argentina, o holandês teria dito ao camisa 10 que os privilégios do jogador dentro do clube estariam acabados.

- Seus privilégios no elenco acabaram, você deve fazer tudo pelo time. Eu serei inflexível, você tem que pensar sobre o time.

Na noite da última terça-feira, diversos torcedores protestaram e pediram a renúncia de Josep Maria Bartomeu da presidência. Além disso, diversos jogadores e personalidades da Catalunha demonstraram apoio ao jogador. O momento agora é saber como Messi e Barcelona irão terminar o casamento de 20 anos.