Futebol Kepa pega pênalti na prorrogação, e Chelsea vence o Plymouth de virada pela Copa da Inglaterra

Kepa pega pênalti na prorrogação, e Chelsea vence o Plymouth de virada pela Copa da Inglaterra

O time da terceira divisão inglesa saiu na frene, mas, na prorrogação, os Blues conseguiram a vitória no último compromisso antes do Mundial de Clubes

Lance
Lance

Lance

Lance

O Chelsea teve dificuldade, mas avançou na Copa da Inglaterra. Neste sábado, os Blues derrotaram o Plymouth no Stamford Bridge, na prorrogação e de virada, por 2 a 1, em partida válida pela quarta rodada da competição mais antiga do futebol. Gillesphey abriu o placar para o time da divisão inglesa, mas Azpilicueta e Marcos fizeram os gols da vitória. No final do tempo extra, o goleiro anda Kepa defendeu uma cobrança de pênalti.

> Confira imagens da abertura da Olimpíada de Inverno 2022 em Pequim

VAI TER ZEBRA?

Mesmo diante de um Chelsea com praticamente força máxima, foi o time da terceira divisão inglesa que saiu na frente do placar. Logo aos oito minutos, após cobrança de falta na área pelo lado esquerdo, o zagueiro Gillesphey conseguiu resvalar na bola para por o Plymouth em vantagem.

TRAVE, TRAVE E TRAVE

O Chelsea não se acanhou com o gol sofrido e foi para cima do adversário. No entanto, o empate custou a sair porque os Blues carimbaram três bolas na trave da meta defendida por Cooper: duas em finalizações de Kovacic e uma na cabeçada de Hudson-Odoi.

TUDO IGUAL

Depois de tanto pressionar, os Blues conseguiram igualar o marcador. Já na reta final do primeiro tempo, Jorginho invadiu a área e tocou Masou Mount cruzar rasteiro. Na entrada da pequena área, Azpilicueta finalizou de letra para balançar as redes do goleiro Cooper.

PRORROGAÇÃO

No segundo tempo, o Chelsea manteve a pegada, criou boas chances de gol e ainda teve mais de 20 finalizações. Contudo, mesmo assim, os Blues não conseguiram marcar, e a partida foi para a prorrogação.

VIRADA E KEPA HERÓI

No primeiro tempo da prorrogação, os Blues passaram a frene no placar. Havertz tabelou com Timo Werner e cruzou rasteiro para Marcos Alonso, que, sozinho, bateu no canto para dar a vitória ao Chelsea. Posteriormente, na reta final do tempo extra, o Plymouth ainda desperdiçou uma cobrança de pênalti, que foi defendida pelo goleiro Kepa.

Últimas