Futebol Keisuke Honda aguarda contato da diretoria do Botafogo antes de tomar decisão sobre possível saída

Keisuke Honda aguarda contato da diretoria do Botafogo antes de tomar decisão sobre possível saída

Japonês não ficou feliz com seguidas trocas de treinador e escreveu em rede social que pode deixar o clube; meia espera por reunião com membros da cúpula do Glorioso

Lance
Lance

Lance

Lance

O clima ruim nos bastidores foi exposto. Nesta sexta-feira, Keisuke Honda escreveu, em uma rede social, que "pensa em sair do Botafogo" caso não seja convencido e acha "inacreditável" todos os problemas que o clube possui internamente, no que diz respeito à troca de treinadores.

O LANCE! apurou mais detalhes. O camisa 4 não gostou da demissão de Ramón Díaz e a comissão técnica do argentino após apenas 16 dias de trabalho. O Botafogo alegou que "não podia esperar" pelo treinador, que tem previsão de alta de uma cirurgia realizada no Paraguai apenas para o dia 7 de dezembro.

Honda não gosta da forma que o clube vem sido gerido e, principalmente, nas seguidas trocas de comando - contando interinos, Eduardo Barroca será o sétimo treinador do Alvinegro na temporada.

O japonês quer conversar com a diretoria sobre o seu futuro no clube de General Severiano. Com os bastidores desorganizados, o camisa 4 realmente considera a ideia de deixar o Alvinegro, mas quer que um contato sobre as ideias e justificativas dos dirigentes parta da própria diretoria.

Honda acredita que a diretoria precisa procurá-lo, e não o contrário. O japonês aguarda este possível contato para decidir o futuro no clube de General Severiano. Enquanto isto, o Botafogo permanece na 19ª colocação do Campeonato Brasileiro e passa por situação complicada na zona de rebaixamento da competição.

Últimas