Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Jogadoras da Espanha, campeã da Copa Feminina, negam retorno à seleção

Jogadoras enviaram um ofício à federação local afirmando que não desejam mais fazer parte do time

Futebol|

Lance
Lance Lance

O título da Espanha na Copa do Mundo Feminina foi cercado por diversas polêmicas. A situação de Luis Rubiales, investigado pela Justiça espanhola após um beijo forçado na atleta Jennifer Hermoso, afastou todas as jogadoras campeãs do Mundial para o novo ciclo.

Grande parte das campeãs do mundo, além de outras que ficaram fora da competição na Austrália, assinaram um ofício enviado à Real Federação Espanhola de Futebol recusando a possível convocação da nova comandante, Montse Tomé. A treinadora, que assumiu após a demissão de Jorge Vilda, deve convocar a equipe pela primeira vez sem Hermoso, Alexia Putellas e as demais estrelas da Roja.

- As jogadoras da Seleção, recentes campeões mundiais, desejam manifestar, como fizeram no dia 25 de agosto de 2023, seu enorme descontentamento após os acontecimentos ocorridos na cerimónia de entrega de medalhas no Mundial Feminino e na subsequente assembleia extraordinária da Real Federação Espanhola de Futebol. Os eventos que infelizmente todos puderam assistir não são algo específico e vão além do esporte. Devemos ter tolerância zero com esses atos, pela nossa companheira, por nós mesmas e por todas as mulheres. Acreditamos que é hora de lutar para mostrar que essas situações e práticas não têm lugar no nosso futebol e nem na nossa sociedade, que a estrutura atual precisa de mudanças e fazemos isso para que as próximas gerações possam ter um futebol muito mais igualitário a altura do que todos nós merecemos - afirma o comunicado.

+ Já pensou em ser um gestor de futebol? Participe da nossa Masterclass com Felipe Ximenes e descubra oportunidades

Publicidade

Entre as atletas que levaram o ouro na Oceania, apenas Athenea del Castillo e Claudia Zornoza não assinaram o comunicado. Zornoza, porém, ao ato de divulgação pública do ofício, publicou em suas redes sociais a aposentadoria da seleção.

A convocação de Montse Tomé, assim como sua apresentação oficial, estava prevista para as 11h de Brasília (16h locais). Porém, com a listagem de assinaturas divulgada, a federação optou por adiar o evento, que pode acontecer ainda nesta sexta ou no final de semana

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.