Futebol Jogador do Slavia Praga é banido por 10 jogos por conta de racismo

Jogador do Slavia Praga é banido por 10 jogos por conta de racismo

Ondrej Kudela insultou Glen Kamara, do Rangers, em duelo válido pelas oitavas de final da Europa League. Atleta não participa de partida contra o Arsenal nesta quinta-feira

Lance
Lance

Lance

Lance

A Uefa baniu o jogador Odrej Kudela por 10 partidas por conta de uma atitude racista contra Glen Kamara na partida em que o Slavia Praga venceu o Rangers pela Europa League. Com isso, o defensor não encara o Arsenal nesta quinta-feira pelas quartas de final do torneio continental.

O atleta do time escocês disse que foi chamado de macaco pelo adversário. O finlandês também recebeu punição de três jogos por ter agredido o rival no túnel para os vestiários no final do confronto que deu a classificação para a equipe tcheca.

> Veja a tabela da Europa League

As punições podem ser revertidas caso os clubes entrem com um pedido de apelação. Kudela cumpriu uma partida fora dos gramados contra o Arsenal, na última semana, após receber uma suspensão provisória. No entanto, o atleta estava doente e não seria relacionado para o confronto.

Alguns dias após a confusão, torcedores do Slavia Praga publicaram uma foto nas redes sociais com uma faixa escrita "Kamara - apenas um negro", além de estarem segurando sinalizadores vermelhos. O presidente do clube, Jaroslav Tvrdik, disse que a equipe foi vítima de xenofobia.

Últimas