Futebol Jean Mota volta a comemorar um gol após cinco meses em jejum no Santos

Jean Mota volta a comemorar um gol após cinco meses em jejum no Santos

Meia entrou no segundo tempo da partida contra o Fluminense e, no primeiro toque, salvou o Peixe da derrota nos minutos finais do jogo deste domingo, na Vila Belmiro

Lance
Lance

Lance

Lance

O meia Jean Mota entrou na reta final do jogo entre Santos e Fluminense e acabou sendo o herói que deu o empate ao Peixe. O jogador não marcada um gol desde setembro, e festejou muito o fato de ter voltando a balançar as redes. O meia deu entrevista ao Premiere.

"Meu último gol foi contra o Delfin, um gol deu a classificação nas oitavas (da Libertadores). Espero que esse possa ser um gol também que a gente classifique. Ainda tem o Bragantino para jogar, mas se perder ou empatar a gente tem a chance de entrar no G8. Fico feliz por ter ajudado a equipe. A gente sabia que ia ser um jogo difícil, eles vinham motivados para entrar no G4.

Jean Mota lembrou de toda a dificuldade do Santos em recuperar a confiança depois da derrota na final da Copa Libertadores, diante do rival Palmeiras.

Classificação e próximos jogos: simule a reta final do Brasileirão

"É difícil se reerguer, mas nossa profissão é assim. Chegamos na final com méritos, jogando bem, mas infelizmente a gente não vem fazendo bons jogos. É difícil a gente se reerguer, como falei, estamos buscando trabalhar para buscar o futebol que a gente vinha jogando, mas o mais importante são resultados. Dá confiança para que a gente continue fazendo nosso trabalho".

Jean Mota e o Santos se despedem da temporada na próxima quinta-feira, 21h3o, quando vão até Salvador para enfrentar o Bahia, na Arena Fonte Nova.

Últimas