Jean Mota deve ficar no Santos após negociação travar com Fortaleza

Tricolor fez de tudo para tirar o jogador do Peixe, mas "entrada" prevista não agradou a diretoria santista. Alvinegro busca acabar com sanção da Fifa 

Jean Mota está na sua quarta temporada pelo Santos

Jean Mota está na sua quarta temporada pelo Santos

Divulgação/Santos

Nas últimas semanas, uma das principais pautas em torno do Santos referiu-se a uma possível venda de Jean Mota ao Fortaleza. Contudo, como um efeito gangorra, as tratativas que avançaram e travaram recorrentemente, esfriaram de vez.

Diversas formas de negócio foram oferecidas pelo clube cearense, mas todas recusadas pela diretoria santista devido o mesmo motivo: o pagamento inicial disposto pela equipe nordestina foi considerado abaixo do desejado pelo Peixe.

Com pendências financeiras, a principal referente ao não pagamento do zagueiro Cléber Reis, contratado junto ao Hamburgo (ALE), em 2017, e que impede o Alvinegro Praiano de registrar novos atletas desde março, após ser sancionado pela Fifa, o Santos busca soluções para estancar os problemas de caixa o mais rápido possível.

O valor definido para a venda do Jean Mota foi de R$ 4,5 milhões. De pronto, o Fortaleza disse aos santistas que não teria a quantia em primeiro momento. Então, possibilidades de parcelamento foram levantadas. A primeira, com a compra de uma pequena porcentagem do atleta, liberação por empréstimo até o fim da temporada, e aquisição posterior. Já a segunda, referiu-se a uma compra definitiva com pagamento parcelado até o fim de 2021.

Veja mais: Confirmado! Campeonato Paulista está de volta no dia 22 de julho

Na última segunda-feira, em contato, tanto com o presidente do Leão, Marcelo Paz, quanto com pessoas de dentro do Peixe, envolvidas no negócio. Os santistas já davam a negociação como encerrada, enquanto Paz afirmou como travada.

Na mesma semana, as duas diretorias voltaram a conversar e o Fortaleza buscou um novo modelo de negócio, com compra de metade dos 80% dos direitos pertencentes ao Santos por Jean Mota – vale lembrar que na venda do atleta do Leão ao Peixe, em 2016, o Tricolor Cearense permaneceu com 12% dos direitos do atleta, enquanto os empresários ficaram com os oito restantes. O Santos não acenou positivamente a esta nova proposta e internamente já é certo no clube que Jean Mota ficará.

Jean Mota no Santos

Contratado pelo Alvinegro Praiano em junho de 2016, após passar pelo próprio Fortaleza, destacou-se no Santos pela sua versatilidade, já que atuou além do meio-campo, sua posição de origem, mas também como: lateral-esquerdo, volante, ponta-esquerda e até falso nove.

No primeiro semestre de 2019, viveu seu melhor momento pelo Peixe. Comandado por Jorge Sampaoli, foi considerado o melhor jogador do último Campeonato Paulista.

No total, o camisa 41 tem 164 jogos com a camisa santista e 15 gols marcados. Nesta temporada, sob o comando do técnico português, Jesualdo Ferreira, Jean fez quatro partidas, todas elas saindo do banco de reservas, e ainda não balançou as redes.

Curta a página do R7 Esportes no Facebook

Artilheiro e paizão: veja amores da vida do craque do Paulista 2019