Futebol Jardine diz que Liziero não briga por vaga com Jucilei no São Paulo

Jardine diz que Liziero não briga por vaga com Jucilei no São Paulo

Jovem de 20 anos entrou bem contra o Eintracht Frankfurt e se credenciou a virar titular contra o Ajax. Técnico explica que o enxerga disputando espaço com Hudson e Hernanes

Jovem de 20 anos entrou bem contra o Eintracht Frankfurt e se credenciou a virar titular contra o Ajax. Técnico explica que o enxerga disputando espaço com Hudson e Hernanes

Lance

Lance

Lance

Liziero foi bem nos 45 minutos em que esteve em campo na derrota do São Paulo para o Eintracht Frankfurt, na quinta-feira, e já está "pedindo passagem". De acordo com o técnico André Jardine, a briga do jovem de 20 anos é com Hudson e Hernanes.

- O Jucilei e o Liziero jogam em funções diferentes. A característica principal do Jucilei, suas maiores virtudes, são como primeiro volante. O Hudson marcou como volante, mas jogou um pouco mais avançado. Nessa função específica o Jucilei domina muito bem os conceitos. O Liziero na minha visão briga por posição com Hudson, com Hernanes, um pouquinho mais à frente, não é da característica do Jucilei - explicou o comandante.

Jardine escalou Hernanes como principal armador da equipe, com Jucilei e Hudson compondo dupla de volantes como em 2018. Os dois têm bom poder de marcação, mas não chegam tão bem à frente como Liziero. Hudson até tem mais liberdade com o novo comandante, mas não tem conseguido ser efetivo quando avança.

O técnico não adiantou se fará mudanças na equipe para o jogo contra o Ajax (HOL), no sábado, às 16h (de Brasília).

- Confesso que ainda vou pensar um pouco. A gente tem o objetivo de acelerar a formação da nossa equipe, pela pressa que o calendário está imprimindo. Ao mesmo tempo, queremos visualizar o maior número de jogadores possível. A gente precisa olhar o jogo de novo, pesar as coisas e tomar a decisão depois do treino desta sexta (no fim da tarde).

    Access log