Futebol Infectologista do Botafogo Seguro visita Nilton Santos e propõe novos ajustes no combate à Covid-19

Infectologista do Botafogo Seguro visita Nilton Santos e propõe novos ajustes no combate à Covid-19

Coordenador técnico do projeto, Sergio Cimerman faz recomendações complementares para prevenção em diversas áreas físicas do estádio. Intuito é aprimorar protocolo

Lance
Lance

Lance

Lance

A preocupação com a escalada da Covid-19 no Rio de Janeiro culminou em uma nova ação do Botafogo com o suplemento vitamínico e mineral Centrum. Em meio ao projeto Botafogo Seguro, o infectologista e coordenador técnico Sergio Cimerman, realizou em dezembro uma visita técnica ao Estádio Nilton Santos.

O intuito foi levar uma série de recomendações específicas para aprimorar as medidas sanitárias implementadas no palco dos jogos do Botafogo e torná-lo referência nas medidas de prevenção ao novo coronavírus.

> É a hora da base do Botafogo? Veja quem já teve chance com Eduardo Barroca


Cimerman indicou ações complementares de contenção e prevenção à Covid-19 nos espaços físicos do estádio, incluindo bilheteria, arquibancadas, banheiros, vestiários, camarotes, tribunas de imprensa, corredores, elevadores e também nos bancos de reservas.

As recomendações sanitárias foram divididas conforme a rotina de quem están no estádio: distanciamento social, cuidados e higiene pessoal, limpeza e higienização de ambientes, comunicação e treinamento e monitoramento das condições de saúde. Cimerman destacou que as recomendações podem servir de referência para outras arenas esportivas do país e reforçar a necessidade do envolvimento da população

- O protocolo de segurança do projeto Botafogo Seguro baseia-se num conjunto consistente de boas práticas para conter a disseminação da doença e permitir que o futebol funcione em segurança para todos os seus envolvidos - afirmou o doutor Sergio Cimerman, ressaltando:

- Para derrotarmos a pandemia, não existe passe de mágica, mas existe vacina, conhecimento e persistência nas medidas de proteção coletivas. Nós vamos sair dessa crise sanitária juntos - complementou.

Últimas