Futebol Holan não comenta negociação de Soteldo, mas cobra reforços no Santos

Holan não comenta negociação de Soteldo, mas cobra reforços no Santos

Treinador lembrou que o Santos não é o mesmo time da final da Copa Libertadores

Lance
Lance

Lance

Lance

Depois da derrota por 1 a 0 diante do Novorizontino, o técnico Ariel Holan, pela primeira vez, destacou a necessidade de reforços para o Santos. O treinador lembrou as saídas de Lucas Veríssimo para o Benfica e Diego Pituca para o Kashima Antlers e destacou a importância da reposição para o crescimento da equipe.

- Esse time não é o mesmo que jogou a final da Libertadores. Já disse muitas vezes, não quero colocar desculpas, mas não está Veríssimo, não está Pituca e provavelmente não teremos outros jogadores mais e precisamos tratar de reforçar, tratar de trazer jogadores do nível que se foi e isso vai ajudar os jovens a seguir crescendo - afirmou o treinador, em entrevista coletiva.

O Santos está proibido de contratar desde outubro do ano passado devido ao transferban pelo não pagamento ao Huachipato pela compra do atacante Soteldo. O Peixe, no entanto, recebeu uma proposta do Toronto FC, do Canadá, e negocia a venda do jogador para que a punição na Fifa seja retirada.

- Mais que pedir reforços, que é algo lógico depois de todos os jogadores de primeiro nível que não estão mais no clube, é muito importante para o Santos fazer um esforço para se preparar bem para o Brasileirão - afirmou.

O treinador, no entanto, evitou comentar a situação de Soteldo.

- Não gosto de opinar sobre suposições. Soteldo está em uma fase de negociação e uma vez que se resolva o tema entre amanhã (sábado) e segunda-feira e veremos o que falamos com Andres (Rueda), Jorge (Andrade), (Jpsé Renato) Quaresma, e eles terão de falar sobre eles também. Primeiro vamos ver o que acontece - afirmou Holan.

Últimas