Futebol Há pouco mais de dois anos, Fluminense conquistou vitória importante no Paraguai pela Libertadores

Há pouco mais de dois anos, Fluminense conquistou vitória importante no Paraguai pela Libertadores

Tricolor encara Olimpia, no Defensores del Chaco

Lance
Lance

Lance

Lance

Há pouco mais de dois anos, o Fluminense conquistou uma grande vitória sobre o Cerro Porteño, em duelo de ida das oitavas de final da Libertadores, no Paraguai. Nesta quinta-feira (31), o Tricolor busca voltar de Assunção com mais lembranças positivas na bagagem.

No dia 13 de julho de 2021, a equipe comandada por Roger Machado viajou em busca de uma classificação e confirmou o favoritismo com um triunfo por 2 a 0. Na partida, Nenê e Egídio foram os responsáveis por balançar as redes do time até então dirigido por Chiqui Arce, atualmente no Olimpia.

+ Confira a classificação do Brasileirão

HISTÓRIA DA PARTIDA

Nos 30 primeiros minutos da partida, o Fluminense impôs um ritmo de jogo muito forte e só não abriu o placar por conta das defesas de Jean e da trave que impediu um gol de falte de Nenê. No fim, os paraguaios pressionaram e chegaram a balançar as redes, embora o gol tenha sido anulado por um impedimento marcado de forma equivocada. Como o árbitro da partida havia apitado e parado a jogada antes de sua conclusão, o VAR não pôde entrar em ação.

+ Abel Braga revela como era trabalhar com Fred em entrevista exclusiva para o Lance! Assista!

E logo aos três minutos do segundo tempo, Nenê recebeu uma bola na entrada da área e bateu no cantinho para estufar as redes e inaugurar o marcador. E aos 15 minutos, Egídio aproveitou um passe pelo lado esquerdo da grande área e fechou a contra diante de um Cerro Porteño com muita dificuldade em atacar, mas sem o apoio de seus torcedores devido aos portões fechados do estádio por conta da Covid-19.

OUTROS JOGOS NO PARAGUAI

Apesar do resultado positivo conquistado em 2021, o Fluminense não vem conseguindo superar o Olimpia atuando no Defensores del Chaco. Em 2013, o Tricolor foi derrotado por 2 a 1 e eliminado da Libertadores nas quartas de final, enquanto em 2022 sofreu um revés por 2 a 0 e caiu nos pênaltis antes mesmo da competição entrar na fase de grupos.

Contra o Libertad, o Time de Guerreiros conquistou um trunfo jogando em Assunção na fase de grupos da Libertadores em 2008, em que a equipe das Laranjeiras chegou na decisão. Mas em 2011, os paraguaios deram o troco e aplicaram um 3 a 0 impiedoso nos brasileiros, no Paraguai, pelas oitavas de final da competição.

Além da última vitória sobre o Cerro Porteño, o Tricolor já havia entrado em campo no Estádio General Pablo Rojas na Sul-Americana 2009. Em uma batalha, o Fluminense venceu por 1 a 0 em duelo válido pela semifinal do torneio.

O Time de Guerreiros também encarou o Guaraní pela extinta Copa Conmebol, em 1996. Naquele duelo, os brasileiros foram derrotados em Assunção por 3 a 1 e foram eliminados da competição nas oitavas de final.

Últimas