Futebol Goleiro do Santos volta a defender pênalti após quase dois anos

Goleiro do Santos volta a defender pênalti após quase dois anos

João Paulo defendeu uma cobrança nos acréscimos do jogo contra o Fortaleza e garantiu o empate do Peixe. Último pênalti defendido por um goleiro do Santos havia sido em 2019

Lance
Lance

Lance

Lance

O Santos empatou em 1 a 1 contra o Fortaleza neste domingo, na Arena Castelão, pelo Campeonato Brasileiro. A partida foi marcada pelo pênalti defendido pelo goleiro João Paulo nos acréscimos. O jogador tem feito bons jogos na meta santista e quebrou a marca de quase dois anos sem um goleiro do Peixe pegar um pênalti.

A última defesa de pênalti por um goleiro do Santos havia sido de Everson, hoje no Atlético-MG, ainda em 5 de outubro de 2019, em chute de Rossi, na época no Vasco da Gama, em São Januário, pelo Campeonato Brasileiro.

Na temporada, o Peixe teve três pênaltis contra marcados, justamente pelo Brasileirão, e sofreu os dois primeiros: diante o Ceará, com o goleiro John, e contra o Atlético-GO com o próprio João Paulo.

Foram sete pênaltis a favor do Alvinegro na temporada: Marinho converteu dois diante o San Lorenzo, pela Libertadores, e contra o Palmeiras, no Brasileiro, mas perdeu diante o Ceará, pelo Brasileiro. Sánchez e Kaio Jorge também converteram contra o Palmeiras, um pelo Paulista e outro pelo Brasileiro. Sánchez converteu os dois últimos pênalti mais recentes diante a Chapecoense, no Brasileiro e contra o Libertad, pela Copa Sul-Americana.

Em decisões por pênaltis, faz tempo que o torcedor santista não tem motivos para comemorar. A última vitória foi contra o Botafogo-SP, nas quartas de final do Campeonato Paulista de 2018. Desde então, são três eliminações: para os rivais Palmeiras e Corinthians, nos Paulistas de 2018 e 2019, respectivamente; e para o Cruzeiro, na Copa do Brasil de 2018.

Últimas