Futebol Giuliano se diz ansioso por estreia de 'Quarteto Fantástico do Corinthians', mas alerta: 'Precisamos de tempo'

Giuliano se diz ansioso por estreia de 'Quarteto Fantástico do Corinthians', mas alerta: 'Precisamos de tempo'

Meia recém-contrato pelo Timão também ressaltou o respeito a individualidade dos reforços

Lance
Lance

Lance

Lance

Não é só a torcida que vive a expectativa da primeira partida com o 'Quarteto Fantástico do Corinthians' juntos. Os próprios atletas estão ansiosos para isso acontecer, é o que garante Giuliano, um entre as quatro contratações importantes do Timão para essa temporada, garantiu em entrevista coletiva concedida nesta sexta-feira (24).

Contudo, o meia deixa claro que a preocupação com a condição física de cada atleta está em primeiro lugar e que paciência é algo fundamental para essa sequência.

>> Baixe o novo app de resultados do L!
>> Confira a tabela do Brasileirão e simule os próximos jogos

Há possibilidade dessa estreia em conjunto pode acontecer no clássico contra o Palmeiras, neste sábado (25), às 19h, na Neo Química Arena, pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro, mas o camisa 11 deixou a confirmação para momentos antes do jogo, com a publicação oficial da escalação que o técnico Sylvinho levará a campo.

- Em relação se pode acontecer (a entrada do quarteto juntos), vou pular essa pergunta para o Sylvinho. Ansiedade para os quatro em campo nós mesmos temos essa ansiedade, porque nos conhecemos e sabemos que temos jogadores de qualidade. Mas precisamos respeitar a individualidade de cada um, precisamos de tempo para condicionar fisicamente, um o outro tem um problema muscular, precisa ver a circunstância e o motivo para os quatro atuarem juntos nesse momento, pode ser uma questão técnica ou outra questão que está acontecendo - disse Giuliano.

O camisa 11 do Timão, inclusive, deixou claro a importância do respeito ao tempo de adaptação de cada atleta, em relação a si próprio e o grupo.

- Já adianto desde já que não importa quando isso acontecer, queremos fazer o nosso melhor, mas precisamos do nosso tempo, adaptação, entrosamento, porque não existe milagre no futebol existe trabalho coletivo e de equipe e se o trabalho de equipe funciona bem e temos jogadores que na individualidade podem decidir o jogo - afirmou o meia corintiano.

Desde que estreou no Corinthians, no dia 8 de agosto, Giuliano não foi derrotado. Em sete jogos, foram três vitórias, quatro empates, uma assistência e um gol marcado, no último fim de semana, no 1 a 1 contra o América-MG, na Neo Química Arena, pela 21ª rodada do Brasileirão.

Últimas