Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Giuliano diz que Estudiantes merecia a vaga na Sul-Americana e explica dificuldades do Corinthians na Argentina

Meia entrou no segundo tempo, teve a melhor chance do Timão na partida e errou sua cobrança na disputa por pênaltis

Futebol|Do R7


Lance
Timão está nas semis da Sul-Americana (Foto: Luis ROBAYO / AFP)

Um dos motivos que tornam o futebol tão apaixonante é a injustiça. O Estudiantes abriu o placar aos 53 segundos, deu 30 chutes e teve mais de 60% de posse de bola, mas foi o Corinthians quem avançou às semifinais da Sul-Americana após disputa por pênaltis. Depois da partida, Giuliano foi categórico ao afirmar que os argentinos mereciam a vaga.

+ Renove o seu estoque de camisas do Timão com o cupom LANCEFUT 10% OFF

- Tem dia que você joga bem e não ganha, e tem dia que joga mal e você passa. É muito difícil falar sobre justiça no futebol. Se fosse por merecimento, o Estudiantes mereceria passar, mas o futebol não tem isso - disse o camisa 20 na zona mista do estádio argentino.

Giuliano entrou na metade do segundo tempo, na vaga de Gabriel Moscardo, para ajustar a marcação no meio-campo. Nos acréscimos, o camisa 20 teve a melhor chance do Timão na partida, mas chutou para fora.

Publicidade

- A gente tem muita coisa para melhorar. Viemos contra uma equipe que veio para nos pressionar, fez um gol em um minuto, e isso já é um embalo natural e coloca mais para trás, você fica com receio de se expor, tomar mais um gol e ficar fora da competição. Trinta chutes é muito. Se fosse um resultado justo, o Estudiantes teria passado - ponderou Giuliano.

+ Veja tabela e datas das quartas de final da Sul-Americana

Publicidade

O meia, que tem bom aproveitamento nas penalidades, viu sua cobrança ser defendida pelo goleiro Andújar. Giuliano valorizou o desempenho coletivo do Timão nas cobranças e fez questão de exaltar Cássio, que defendeu a batida de Rollheiser.

- Nos pênaltis, a gente tem um grande goleiro do nosso lado, que nos dá confiança maior. Sobre o meu erro, faz parte. Erra ali quem bate. Nas últimas quatro ou cinco disputas, eu fiz o gol. Hoje, infelizmente, eu errei. E tive meus companheiros para ajudar. Os que bateram, e o Cássio para defender - concluiu Giuliano.

O Corinthians volta a campo no próximo domingo (3), contra o Palmeiras, em Dérbi válido pelo Brasileirão, na Neo Química Arena.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.