Giroud diz que ficou no Chelsea porque era o que Deus queria

Atacante francês esteve próximo de uma saída em janeiro por não ter muitos minutos em campo. Atacante diz que conversou com Lampard e que situaçao melhorou

Lance

Lance

Lance

Giroud esteve próximo de uma saída do Chelsea na última janela de janeiro, mas também teve seu nome ventilado como um possível reforço para a Inter de Milão na próxima temporada. No entanto, o francês assinou a renovação por mais uma temporada no futebol inglês e acredita que o poder divino o ajudou na decisão.

- Eu estive muito próximo de sair, mas eu acredito que Deus queria que eu ficasse no Chelsea. O treinador me disse que eu não poderia sair, porque não tinha ninguém para me substituir.

O atacante contou que queria sair para ter mais tempo de jogo visando ganhar ritmo para ser convocado e disputar a Eurocopa. Em conversa com Lampard, o técnico garantiu que o centroavante teria mais jogos e Giroud aproveitou a lesão de Tammy Abraham para fazer alguns jogos como titular.

Na atual temporada, o francês participou de poucos jogos, apenas 13. Nove destes pelo Campeonato Inglês, sendo a maioria começando no banco de reservas. Os números também não são atrativos, uma vez que o campeão do mundo marcou somente três gols. Mesmo com a Eurocopa adiada, caso o atleta tenha sonho de jogar, deve precisar de mais tempo em campo.