Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Gerson acerta soco em Varela em treino do Flamengo; lateral sofre fratura no nariz

Agressão teria acontecido após dividida entre os dois, que o uruguaio não gostou e deu origem à discussão

Futebol|

Lance
Lance Lance

A crise no Flamengo parece não ter fim. O meia Gerson e o lateral Guillermo Varela trocaram agressões no treino da manhã desta terça-feira, no Ninho do Urubu. O lateral sofreu uma fratura no nariz durante a briga. A situação aconteceu após o uruguaio não gostar de uma falta cometida pelo camisa 20, gerando uma discussão entre os dois. 

Após a falta cometida pelo brasileiro, o defensor ficou reclamando com Pablo, e Gerson questionou o zagueiro sobre o que Varela estaria reclamando para ele. A dupla foi retirada da atividade e, enquanto se encaminhava para a parte interna das instalações, chegou às vias de fato: o estrangeiro começou a gritar e partiu para cima do central, que devolveu a agressão inicial com um soco no nariz.

O entrevero entre os dois aconteceu já na reta final do treino. Após a ocasião, o lateral Filipe Luís reuniu todo o elenco e cobrou uma mudança no comportamento da equipe. O jogador de 38 anos teria afirmado que as coisas não podem continuar do jeito que estão e que é preciso, acima de tudo, pensar na situação do Flamengo como clube.

A diretoria deve avaliar a situação nas próximas horas, e existe a possibilidade de punição a Gerson. Vale lembrar que, após o duelo contra o Atlético-MG, vencido pelo clube carioca no dia 29 de julho, o preparador físico Pablo Fernández agrediu o centroavante Pedro também com um soco no rosto e foi demitido de suas funções. Desde então, o clima no Ninho do Urubu não melhorou. A equipe de Jorge Sampaoli atravessa crise e lidou com a eliminação na Libertadores para o Olimpia, após ter a vantagem de dois gols derretida no Paraguai.

O treino desta terça-feira tinha como objetivo a preparação para o duelo contra o Grêmio, na quarta-feira (16). O confronto é válido pelo jogo de volta da semifinal da Copa do Brasil, no Maracanã. O Rubro-Negro tem vantagem de dois gols após vencer no Sul e pode até perder por um gol de diferença que garante a vaga na decisão.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.