Futebol Gabigol se torna artilheiro do Flamengo no Século XXI e comemora: 'Espero bater mais recordes'

Gabigol se torna artilheiro do Flamengo no Século XXI e comemora: 'Espero bater mais recordes'

Com dois gols diante do Madureira, atacante chega ao 73º e iguala marca de Renato Abreu

Lance
Lance

Lance

Lance

Mais do que gol e plaquinha levantada, Gabigol quebrou um recorde importante nesta segunda-feira, em Volta Redonda. Com os dois gols marcados na goleada sobre o Madureira, o atacante chegou ao 73º tento com a camisa rubro-negra e se igualou a Renato Abreu como maior artilheiro do clube no século XXI.

+ ATUAÇÕES: Flamengo massacra em noite histórica para Gabigol e brilho de trio do meio

A marca foi atingida logo no primeiro tempo do duelo. Aos 16 minutos, o camisa 9 abriu o placar para o Flamengo de pênalti. Aos 28', ele aproveitou rebote de cabeceio de Rodrigo Caio e completou para as redes. Após a partida, Gabigol celebrou a marca atingida

- É incrível, fantástico bater uma marca dessa apenas com 24 anos e com pouco tempo no clube. Realmente é algo muito especial para mim. Eu estou muito feliz no Flamengo, com os jogadores que eu jogo. A cada dia, eu aprendo mais e me motivo a ser melhor. Com o treinador e com a torcida que a gente tem. E buscando títulos. Isso é o que me motiva: bater recordes e ser campeão. Agora, temos uma final. Estou muito feliz e orgulhoso. Espero bater mais recordes pela frente.

Além da marca pessoal, Gabigol também comentou sobre a atuação coletiva do Flamengo na goleada por 5 a 1 sobre o Madureira. O atacante ressaltou a qualidade da equipe e projetou mais uma temporada vencedora para o Rubro-Negro.

- Esse Flamengo tem casca, é um time campeão e que sabe jogar de várias formas. Esse início do Carioca tem sido importante para gente, essas semanas que a gente treinou e vem evoluindo. Tem tudo para ser um ano muito mais especial do que já aconteceu, no individual e coletivo. Espero que as coisas deem certo para a gente. A gente trabalha muito no dia a dia.

O Flamengo volta a campo no próximo domingo, às 11h (de Brasília), para disputar a Supercopa do Brasil contra o Palmeiras. Será a chance do primeiro título do Rubro-Negro na temporada. A partida será disputada no Mané Garrincha, em Brasília.

Últimas