Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Fluminense vence o Red Bull Bragantino, encerra jejum de vitórias e sobe na tabela do Brasileirão

Com gols de Ganso e Felipe Melo, Tricolor bate o Massa Bruta por 2 a 1 e espanta o mau momento

Futebol|Do R7


Lance
Ganso abriu o placar na vitória do Fluminense (MARCELO GONÇALVES / FLUMINENSE FC)

O Fluminense encerrou um jejum de vitórias de cinco jogos e venceu o Red Bull Bragantino, por 2 a 1, no Maracanã, pela 9ª rodada do Campeonato Brasileiro. Os gols foram marcados por Ganso e Felipe Melo, ainda no primeiro tempo, encerrando também uma seca de bola na rede que durava o mesmo período sem resultados positivos. O Massa Bruta descontou no segundo tempo com Thiago Borbas.

Com o resultado, o Fluminense alcançou os 16 pontos e chegou na parte de cima da tabela. No próximo domingo, enfrenta o Goiás, na Serrinha. No entanto, o Brasileirão ficará de lado, já que na quarta-feira, o Tricolor encara o River Plate, pela Libertadores.

+ Confira a classificação atualizada e a tabela completa do Brasileirão

FIM DA SECA

Publicidade

O início do jogo foi complicado para o Tricolor, que sofreu alguns perigos do Massa Bruta, mas Fábio esteve seguro como sempre. Ao equilibrar a partida, o Fluminense buscou sair mais rápido do que de costume e conseguiu abrir o placar com Ganso, aproveitando o contra-ataque puxado por Arias, que serviu o camisa 10 na medida para soltar o grito entalado na garganta por mais de 511 minutos, sem contar os acréscimos. O meia foi quem havia marcado pela última vez, na vitória sobre o Cuiabá, por 2 a 0, no dia 13 de maio.

GOL DA RAÇA

Publicidade

O Fluminense cresceu após abrir o placar e aproveitou o bom momento para ampliar. O gol teve a categoria de Ganso que bateu o escanteio rasteiro para Lima, livre na entrada da área. O meia finalizou na trave, mas Felipe Melo marcou no rebote. A partir de então o Tricolor controlou as ações até o final do primeiro tempo, desperdiçando chances claras de gol. A principal delas foi com Cano, que chutou em cima do goleiro uma bola recebida na pequena área.

SONO FATAL

Publicidade

Pior no primeiro tempo, o Red Bull Bragantino voltou com mudanças que tornaram o time mais ofensivo. O Fluminense demorou a entender as alterações e acabou sofrendo gol com Thiago Borbas, um dos que entraram no intervalo. O atacante recebeu na entrada da área e soltou a bomba, sem chances para Fábio, que sequer foi na bola. O gol tornou o jogo perigoso, já que o Massa Bruta passou a rondar mais a área do Tricolor, que por sua vez tinha espaço para contra-atacar. Quando o fez, Lelê desperdiçou uma grande chance, que fez o Fluminense sofrer até o apito final.

FICHA TÉCNICA

CAMPEONATO BRASILEIRO - 9ª RODADA

FLUMINENSE 2 X 1 RED BULL BRAGANTINO

Local: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)

Data e hora: Domingo (04/06), às 16h (Brasília)

Árbitro: Rodrigo Jose Pereira de Lima (PE)

Assistentes: Bruno Boschilia (Fifa-PR) e Karla Renata Cavalcanti de Santana (PE)

VAR: Pablo Ramon Goncalves Pinheiro (Fifa-RN)

Público/Renda: 25.540 (pagantes); 27.228 (presentes); R$ 1.073.296,00

Cartões Amarelos: Nino, Ganso, Lima, Felipe Melo, Samuel Xavier (Fluminense); Luan Patrick, Matheus Fernandes (Red Bull Bragantino)

Gol: Ganso (26' do 1ºT/1-0), Felipe Melo (33' do 1ºT/2-0), Thiago Borbas (9' do 2ºT/2-1)

FLUMINENSE (Fernando Diniz)

Fábio, Samuel Xavier, Nino (David Braz/41' do 2ºT), Felipe Melo (Manoel/32' do 2ºT) e Guga; André, Martinelli, Lima (Thiago Santos/41' do 2ºT) e Ganso (Lelê/24' do 2ºT); Arias e Cano.

RED BULL BRAGANTINO (Pedro Caixinha)

Cleiton; Andrés Hurtado, Luan Patrick (Eduardo Santos/intervalo), Léo Realpe e Juninho Capixaba (Guilherme/25' do 2ºT); Matheus Fernandes (Thiago Borbas/intervalo), Lucas Evangelista e Eric Ramires (Jadsom/25' do 2ºT); Helinho (Henry Mosquera/30' do 1ºT)), Vitinho e Eduardo Sasha.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.