Futebol Fluminense aposta na bola parada para explorar erros do Bragantino

Fluminense aposta na bola parada para explorar erros do Bragantino

Tricolor marcou 13 vezes de pênalti, falta ou escanteio nesta temporada; equipe de Bragança Paulista sofreu duas vezes desta forma contra o Bahia

Lance
Lance

Lance

Lance

Pressionado por resultados, o Fluminense afastou a desconfiança ao vencer o Internacional de virada. Porém, a maratona continua. Nesta quarta-feira, o Tricolor visita o Red Bull Bragantino no Estádio Nabi Abi Chedid, às 19h15, para tentar manter o embalo. Uma das armas do time de Odair Hellmann para o confronto pode ser a bola parada, uma deficiência clara apresentada pelos donos da casa nos primeiros jogos do Campeonato Brasileiro. A partida, pela quarta rodada, terá transmissão em tempo real do LANCE!.

Dos 39 gols marcados pelo Fluminense em 2020, 13 saíram de pênaltis, faltas ou escanteios. Os outros 26 foram feitos a partir de jogadas trabalhadas ou aproveitando falhas do adversário, algo bem trabalho por Odair nos treinamentos. Na última rodada, por exemplo, o Tricolor venceu com dois gols de pênalti de Nenê. O segundo, inclusive, saiu de uma cobrança de falta do próprio meia antes de a bola bater no braço do defensor do Internacional.

O RB Bragantino ainda não venceu desde a estreia no Brasileirão, com dois empates e uma derrota. Contra o Bahia, na terceira rodada, a equipe sofreu dois gols de escanteio. O problema já vem sendo observado há algumas partidas, por exemplo no confronto contra o Corinthians, ainda no Paulistão. O técnico Felipe Conceição já admitiu que a bola parada preocupa porque a equipe ainda precisa corrigir.

Com bons batedores, como o próprio Nenê, além de outros atletas que se arriscam nas faltas, o Fluminense ainda sofre com cobranças da torcida para que o aproveitamento seja melhor nessa área. No atual momento, porém, a principal necessidade do Tricolor carioca é que as finalizações como um todo sejam mais eficientes. Após a paralisação, o Flu tem apenas uma vitória em jogos oficiais e quatro gols marcados.

- O gol que fizemos contra o Palmeiras foi através de uma falta. Uma jogada quase ensaiada. Contra o Internacional o pênalti foi por uma falta que bati e o cara colocou a mão na bola. Mas com certeza podemos melhorar. Não digo que é uma performance baixa, mas é algo que o Odair sempre fala. Temos esse poderio, jogadores que cabeceiam bem, eu procuro sempre colocar a bola em uma posição difícil para o adversário. Vemos que a bola parada é uma porcentagem alta dos jogos, quando é equilibrado faz a diferença. O futebol precisa muito dessa bola. Mas estamos treinando, vamos procurar evoluir - disse o meia Nenê em entrevista coletiva.

O Fluminense é o nono colocado no Campeonato Brasileiro, com quatro pontos. A equipe tem uma vitória, um empate e uma derrota até o momento.

Últimas