Flamengo tem conta do Instagram hackeada

Invasores utilizaram o Rubro-Negro para promover criptomoedas

Lance
Lance

Lance

Lance

Novamente, uma conta do Flamengo nas redes sociais foi invadida. A bola da vez foi o Instagram, que foi utilizado pelos invasores para promover um evento de criptomoedas. O empresário Elon Musk, proprietário da Tesla, foi citado na publicação.

+ Pedro merece convocação para Seleção? Veja 10 opiniões de famosos sobre o atacante

A equipe rubro-negra agiu rápido para recuperar a conta. A imagem que circulou, como mencionado, se referia à promoção de bitcoins, citando o bilionário Elon Musk: "Maior doação de criptomoedas $100 000 000. Junte-se aqui", dizia a publicação.

A conta do Flamengo no Instagram acumula quase 15 milhões de seguidores e, por isso, a segurança deve ser primordial. Recentemente, a FlaTV, canal do Rubro-Negro no YouTube, também sofreu com hackers. No entanto, a dificuldade foi ainda maior.

+ CBF define arbitragem para Flamengo x Goiás, pelo Brasileirão

Durante os dois ataques, diversos vídeos foram excluídos e algumas lives, também sobre criptomoedas, foram abertas. O Flamengo também conseguiu recuperar a conta, mas, ao contrário do Instagram, sofreu com a perda de conteúdo.

Últimas