Futebol Fifa suspende processo que poderia rebaixar o Cruzeiro para a Série C

Fifa suspende processo que poderia rebaixar o Cruzeiro para a Série C

A Raposa impetrou um recurso para que a a dívida de R$ 5,3 milhões com o Al Wahda tivesse mais prazo para negociação entre os clubes 

Lance
Presidente Sérgio Santos Rodrigues está tentando negociar dívidas do Cruzeiro

Presidente Sérgio Santos Rodrigues está tentando negociar dívidas do Cruzeiro

Lance

O Cruzeiro tem uma notícia que vai aliviar o coração do seu torcedor! Preocupado com um possível rebaixamento à Série C do Brasileiro, devido ao débito de R$ 5,3 milhões com o Al Wahda, dos Emirados Árabes, pelo empréstimo do volante Denílson, em 2016, que já resultou na perda de seis pontos na Série B.

Porém, nesta quinta-feira (24), a Fifa decidiu suspender o processo contra os mineiros, graças a um recurso impetrado pelo Cruzeiro, que acabou acatando a solicitação.

O presidente Sérgio Santos Rodrigues disse que o clube mantém negociações com o Al Wahda, dos Emirados Árabes, para solucionar a dívida.

"Este é um problema latente, que existe, mas não é de curtíssimo prazo. A gente trabalha bastante com planejamento aqui dentro. Não vamos ser pegos de surpresa com nada. Isso aí já está dentro do nosso escopo, da forma de pagamento que a gente pretende fazer", disse, em sua live semanal nos canais oficiais do clube. Em seguida, falou das negociações que podem até gerar uma transação com jogadores da Raposa para o time árabe.

"Continuamos de forma paralela negociando com o Al Wahda. Chegaram até a manifestar interesse em atletas nossos. Então, tenho certeza que isso vai ser resolvido, vai ser equalizado. Eu prometi isso lá atrás e pode ter certeza: o Cruzeiro não perde pontos e não será rebaixado na nossa gestão de forma alguma por causa de dívida financeira. Pode ter certeza disso", completou.

Jogador bilionário que tem até tigre em casa assina com time português

Últimas