Futebol Fifa define Marrocos como sede do Mundial de Clubes

Fifa define Marrocos como sede do Mundial de Clubes

Flamengo e Real Madrid serão os representantes da América do Sul e da Europa, respectivamente, no Mundial de Clubes de 2022, que será...

Lance
Lance

Lance

Lance

Depois de meses de indefinição, a Fifa oficializou Marrocos como a sede do Mundial de Clubes 2022, que terá a participação de Flamengo e Real Madrid (ESP), entre outros clubes. A entidade, após reunião em Doha, no Qatar, nesta sexta-feira, também confirmou que o torneio acontecerá entre os dias 1º e 11 de fevereiro de 2023.

Com a definição por parte da Fifa, a Conmebol terá que readequar em seu calendário as datas da Recopa Sul-Americana, entre Flamengo e Independiente Del Valle, que estavam marcados para os dias 8 e 15 de fevereiro.

Com a definição por parte da Fifa, a Conmebol terá que readequar em seu calendário as datas da Recopa Sul-Americana, entre Flamengo e Independiente Del Valle, que estavam marcados para os dias 8 e 15 de fevereiro.

Além de Flamengo, campeão da Libertadores, e Real Madrid, campeão da Liga dos Campeões, o Mundial de Clubes terá a participação dos seguintes clubes: Seattle Sounders, dos Estados Unidos (campeão da Concachampions) e Auckland City, da Nova Zelândia (campeão da Oceania).

O Wydad Casablanca, do Marrocos, é o atual campeão da África, mas, por ser o campeão marroquino, ocupará a vaga do clube do país-sede. Assim, conforme o regulamento da Fifa, quem representará o continente será o vice-campeão Al-Ahly, do Egito.

Com a final da Liga dos Campeões da Ásia prevista apenas para maio, o representante do continente está indefinido. O formato do Mundial de Clubes de 2022 será o mesmo dos últimos anos, com os representantes da Europa e da América do Sul entrando a partir das semifinais.

O Marrocos já foi sede do Mundial de Clubes em 2013 e 2014, quando Bayern de Munique (ALE) e Real Madrid (ESP) foram campeões, respectivamente.

Últimas