Futebol Executivo de marketing do Santos revela planos para os sócios

Executivo de marketing do Santos revela planos para os sócios

Rafael Soares trabalha no clube desde o dia 14 e falou sobre os planos para o Sócio Rei

Lance
Lance

Lance

Lance

O novo executivo de marketing do Santos, Rafael Soares, está trabalhando desde o dia 14 e tem a melhoria do programa de sócios como uma das suas prioridades. Em entrevista exclusiva ao LANCE!/DIÁRIO, Soares prometeu uma remodelação do Sócio Rei, com mais entregas para os torcedores, além da discussão de uma modalidade diferente para o programa. Confira a entrevista:

LANCE!/DIÁRIO: Qual foi o diagnóstico que você fez sobre o programa de sócios? Você estabeleceu alguma meta de crescimento?

Rafael Soares: O programa do Sócio Rei precisa sofrer alguns ajustes, acelerar alguns processos e, principalmente, melhorar o nível de entrega e contrapartidas para o torcedor que o adere. Estamos repensando algumas questões para remodelar o programa.

LANCE!/DIÁRIO: Como vai ser o "reffis" para sócios inadimplentes há muito tempo?

Rafael Soares: A ideia é flexibilizar cada vez mais para que o sócio inadimplente possa voltar para a base de sócios do Santos. Não podemos nos dar o luxo de abrir mão de receita. Entendemos o produto de sócio como um serviço e não faz sentido bloquear que a pessoa possa voltar a pagar porque vamos tentar cobrar o período que ele não pagou, porém não usou.

LANCE!/DIÁRIO: A pesquisa "Fala santista" apontou que o torcedor quer descontos em produtos oficiais para se associar. Tem algo já de novidade nessa linha?

Rafael Soares: Nós já temos desconto de 10% na loja oficial Santos Store e também no e-commerce, mas entendemos que precisamos aumentar os benefícios do Sócio Rei, inclusive COM produtos que não envolvam exatamente o Santos, como descontos em estabelecimentos de uma forma geral. Para isso precisamos reestruturar a nossa rede de benefícios. Imagina chegar em uma farmácia e só por ser sócio do Santos ter desconto, abastecer o carro e ter desconto, ir em uma academia e ter descontos. Com isso, o plano de sócios no final das contas acaba se pagando e até mesmo dando lucro.

LANCE!/DIÁRIO: O Santos tem uma trava estatutária no valor do plano inicial, que é mais caro que os rivais do Estado. O clube estuda alguma alternativa nesse sentido? algo para atrair os torcedores de fora de São Paulo?

Rafael Soares: Vamos conversar com a comissão do estatuto, Conselho Deliberativo e comitê gestor para apontar ideias para isso. Entendemos que o sócio do clube é algo totalmente estatutário e não podemos ferir as normas do clube, mas podemos vender produtos e serviços que não sejam vinculados a ser sócio estatutário do clube. É como o futebol se convencionou a chamar de Sócio Torcedor. Ainda estamos em fases iniciais de conversas, mas em breve teremos novidades para a torcida

LANCE!/DIÁRIO: Pode ser que tenhamos a volta do público na reta final do Brasileiro. Como o clube está trabalhando com isso na questão dos sócios?

Rafael Soares: Com certeza a volta do público nos estádios será com públicos reduzidos e irá aumentando aos poucos. A ideia será privilegiar primeiramente o nosso sócio, que esteve conosco fiel ao clube em todo esse período sem jogos.

Últimas