Ex-companheiro de Ibra diz que Cavani foi um dos poucos jogadores que sueco odiou na carreira

Michaël Ciani era zagueiro do Los Angeles Galaxy e se apsoenteu no ano passado

Lance

Lance

Lance

O ex-jogador Michaël Ciani, que atuou com Zlatan Ibrahimovic nos tempos de Los Angeles Galaxy, contou bastidores do vestiário da equipe estadunidense na época em que o sueco jogava por lá e admitiu que poucos jogadores tiraram o centroavante do Milan no sério em sua carreira.

- Falei com o Zlatan sobre a relação dele com o Laurent Blanc (antigo treinador do PSG) e ele me disse que foi ótima. No PSG, ele só não simpatizava com o Cavani. O Ibra me disse que odiou quatro jogadores ao longo da carreira e o Cavani foi um deles - contou Ciani em uma live nas redes sociais.

Hoje com 200 gols, Cavani é o maior artilheiro da história do PSG. O sul-americano bateu a marca, que pertencia a Ibrahimovic, em janeiro de 2018. Na ocasião, os dois tinham 156 gols e o camisa 9 balançou as redes com passe de Neymar. Ibra já havia deixado a equipe parisiense.