Ex-capitão do Dortmund diz que dérbi contra o Schalke 04 será o 'mais incomum da história'

Sebastian Kehl, que se aposentou em 2015, jogou por 13 anos no Borussia Dortmund. Atualmente, ex-voltante é dirigente do clube aurinegro

Lance

Lance

Lance

Falta pouco para a bola voltar a rolar no Velho Continente. Após a paralisação por conta da pandemia de coronavírus, o Campeonato Alemão será a primeira grande liga da Europa a retornar e logo com o maior clássico do país, entre Schalke 04 e Borussia Dortmund, chamado de "mãe de todos os dérbis".

No entanto, por questões de sanitárias para evitar uma nova disseminação da COVID-19, os jogos restantes da competição serão disputadas com portões fechados. E o ex-capitão do Borussia Dortmund, Sebastian Kehl, falou sobre o jogo sem a presença de torcedores.

- Certamente será o dérbi mais incomum da história. Este jogo vive dos torcedores, de suas emoções, do entusiasmo no estádio. Definitivamente não vamos experimentar nada disso. Os jogadores realmente sentirão falta da motivação adicional que vem dos torcedores e da atmosfera - disse Kehl ao jornal Die Welt.