Futebol Ex-auxiliar de Mourinho é oferecido para dirigir o Corinthians

Ex-auxiliar de Mourinho é oferecido para dirigir o Corinthians

José Morais fex parte da comissão técnica do Special One em equipes como Chelsea, Real Madrid, Inter de Milão e Porto, nos dois últimos foi campeão da Champions League

Lance
Lance

Lance

Lance

O Corinthians ainda não desistiu de Luis Castro, que está a caminho do Botafgo, mas prepara nova frente de investidas por um treinador. A diretoria corintiana prioriza um profissional português e avalia alguns nomes que estão sendo oferecidos, e o mais recente é o de José Morais.

No mercado desde que deixou o Al Hilal, da Arábia Saudita, no ano passado, Morais tem em seu currículo o fato de ter sido auxiliar de José Mourinho em clubes de grande expressão como Porto-POR (2003 a 2004), Inter de Milão-ITA (2009 a 2010), Real Madrid-ESP (2010 a 2013) e Chelsea-ENG (em duas ocasiões, entre 2013 a 2014 e em 2015). No Porto e na Inter fez parte da comissão técnica que conquistou a Liga dos Campeões da Europa.

> TABELA - Confira os jogos do Corinthians no Paulistão e faça as simulações
> GALERIA - Veja todos os técnicos estrangeiros na história do Timão

No entanto, segundo informações obtidas pelo LANCE!, o nome de José Morais circula nos bastidores corintianos, mas não é tratado como prioridade pela auta cúpula do clube, que não o descarta, mas, neste momento, não o enxerga com muita animação.

Aos 56 anos, José Morais também tem nacionalidade angolana, país onde nasceu. Ele foi zagueiro em clubes de pequena expreessão em Portugal e iniciou a sua trajetória como técnico comandando a equipe B do Benfica, no fim de da década de 90.

Como treinador, Morais trabalhou em equipes da Alemanha, Arábia Saudita, Coreia do Sul, Grécia, Inglaterra, Jordânia, Suécia, Tunísia, Ucrânia, e também dirigiu a seleção do Iêmen.

Entre 2019 e 2021, conquistou três campeonatos nacionais, duas vezes na Coreia do Sul, pelo Jeonbuk Motors, onde também conquistou a Taça Coreana, em 2020, e uma na Arábia Saudita, pelo Al Hilal, em 2021. Em 2008, foi campeão tunisiano, pelo Esperánce.

Em 2020, Morais foi oferecido ao Vasco da Gama, após a demissão de Abel Braga. O nome do treinador chegou a ganhar força na Colina, mas por fim foi preterido por Ramon Menezes.

Caso a frustração em relação a Luis Castro se confirme, a tendência é que o alvo principal da direção do time alvinegro seja Leonardo Jardim, que foi justamente quem substitui José Morais no Al Hilal, e dirigia o clube saudita até poucos dias atrás. José Peseiro é outro técnico oferecido e está no radar.

Últimas