Futebol Entenda como Matheus Nascimento virou titular do Botafogo aos 16 anos e é a esperança por dias melhores

Entenda como Matheus Nascimento virou titular do Botafogo aos 16 anos e é a esperança por dias melhores

Atacante foi titular nos últimos três jogos do Alvinegro no Campeonato Brasileiro e teve a primeira participação direta em gol como profissional diante do Palmeiras

Lance
Lance

Lance

Lance

Dedicação, trabalho e viagens: aos 16 anos, Matheus Nascimento vive a rotina de um adulto. A vida do jovem jogador do Botafogo passou por uma volta positiva em 2021. O atacante, que participava de treinamentos com a equipe profissional, mas jogava com os times de base, começou a ser titular do elenco principal do Alvinegro, sob o comando de Eduardo Barroca.

Carregando uma vasta cabeleira, o atacante se destaca justamente pela cabeça. Mesmo jovem, conquistou a confiança da comissão técnica e diretoria do Glorioso por dedicação e comprometimento. Para isso, conta com a família, presente na carreira do jogador desde que ele assinou com o Alvinegro, na categoria sub-11.

Matheus Nascimento é considerada a maior joia das categorias de base do Botafogo em muito tempo. Pelos times inferiores do Alvinegro, ele anota, em uma conta pessoal, que fez mais de 150 gols vestindo a camisa preta e branca. Não á toa, acumula passagens por seleções de base e, agora, ostenta um lugar de importância no elenco principal do clube de General Severiano.

Mesmo jogando fora de posição - originalmente, é um atacante atuando pelo centro -, Matheus se destacou atuando como ponta direita diante do Palmeiras, na última terça-feira, pelo Campeonato Brasileiro. Com liberdade de movimentação, o camisa 39 iniciou o gol do Alvinegro, roubando a bola de Lucas Lima e dando a assistência para Rafael Navarro.

Desde que chegou aos profissionais, Matheus registou um aumento nos índices físicos - o que é natural, visto que nas categorias de base a relação de suplementação e carga de trabalho é menor. Como Nascimento está com o time principal há praticamente sete meses, já constatou uma evolução notória neste sentido e, por isto, está cada vez mais presente em campo.

Captado e desenvolvido pelas categorias de base do Botafogo, Matheus Nascimento não é apenas a esperança por dias melhores e um jogador que é visto como interessante para o time titular, mas também como um potencial de maior venda da história do Alvinegro, que detém boa parte dos direitos federativos do atleta.

Com o currículo invejável, é natural que Matheus Nascimento seja acompanhado por olheiros de times europeus por onde quer que passe. Aos poucos, o camisa 39 vai entrando no dia a dia e sendo importante para o time principal do Botafogo.

Últimas