Em alta, United recebe City no Derby de Manchester neste domingo

Sem perder há nove partidas, o time de Ole Gunnar Solskjaer conta com a sensação Bruno Fernandes para bater os Citizens, que querem garantir o vice-campeonato inglês

Lance

Lance

Lance

Depois de se encontrarem na semifinal da Copa da Liga Inglesa, os rivais de Manchester voltam a se enfrentar neste domingo, pela 29ª rodada da Premier League. Em Old Trafford, o United recebe o City, às 13h30 (de Brasília), para tentar se aproximar do G4 do Inglês, enquanto seu rival busca garantir o vice-campeonato.

'TEMOS QUE CONTROLAR NOSSAS EMOÇÕES'
Sem perder há nove partidas, contando todas as competições, o Manchester United chega para o jogo deste domingo embalado pelos bons resultados e pelo efeito imediato causado por Bruno Fernandes, principal contratação do clube na última janela de transferências.

Solskjaer, treinador do United, falou sobre sua expectativa para o jogo deste final de semana.

- Quando você está em casa, precisa se abrir contra um time como o City e eles vão explorar isso se você não estiver 100%. Às vezes, estando em casa com seus torcedores, você quer mostrar a eles o que pode fazer e derrotar seu oponente. Às vezes, você abre muitos espaços e foi o que fizemos por 10, 15 ou 20 minutos (no jogo da Copa da Liga, quando o United foi derrotado por 3 a 1). Então temos que controlar mais nossas emoções. E nós aprendemos, então é uma experiência que vamos trazer para este jogo, definitivamente - disse.

'É UM JOGO IMPORTANTE'
Praticamente sem mais aspirações na Premier League, a não ser garantir o vice-campeonato, o Manchester City tem como principal foco o jogo de volta das oitavas de finais da Liga dos Campeões, contra o Real Madrid, no próximo dia 17. No entanto, Pep Guardiola, treinador do City, afirmou que não pode deixar de dar importância para o Derby de Manchester, e que vai disputar o jogo com força máxima.

- Se acreditarmos que o jogo é mais importante para eles, vamos perder. Temos que acreditar que o jogo é importante. Eu nunca joguei um jogo pensando em pontos, ou se o jogo é mais confortável ou menos. Todo jogo tentamos jogar e tentamos ganhar - disse Guardiola, que também elogiou a forma recente do United na temporada.

- Quando vi os últimos jogos, eles foram incrivelmente agressivos e em Old Trafford isso acontecerá. Em alguns jogos eles se defendem contra nós, mas o que eu vi nos últimos jogos, não apenas contra nós, mas contra todos os times da liga, eles foram agressivos. No Goodison Park (no empate em 1 a 1 com o Everton), eles fizeram um bom jogo - finalizou.