Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Em 2023, Santos deixa tabus positivos escaparem e perpetua jejuns incômodos

Peixe perde oportunidade de manter sequência diante do Bragantino

Futebol|Do R7


Lance
Equipe do Peixe tentará quebrar jejum no desafio contra o Bahia (Foto: Raul Baretta / Santos FC)

Na derrota para o RB Bragantino pelo Brasileirão, por 2 a 0, no último domingo (30), o Santos permitiu que o Massa Bruta deixasse acabar o jejum de 5 anos do time sem vencer o clube da Vila Belmiro.

A escassez de resultados positivos em determinado torneio ou em um embate contra um clube é comum na realidade dos clubes. Contudo, o ano de 2023 segue a receita das últimas temporadas e é marcante neste quesito.

+ ATUAÇÕES: Defesa vai mal, e Rodrigo Fernández é o pior em derrota do Santos

O Peixe não perdia para o Guarani há 13 anos e, no Paulistão, sofreu uma derrota por 2 a 0. Contra o Newell’s Old Boys, da Argentina, o Alvinegro nunca havia perdido, mas conheceu seu primeiro placar adverso nesta Sul-Americana

Publicidade

Entretanto, o clube acumula neste ano jejuns incômodos. Diante da Ferroviária o Peixe segue sem vencer há 4 anos. No estadual, o clube não se classifica para o mata-mata há três temporadas consecutivas. Entre os clubes da Série A, o Santos é o time com a maior escassez de títulos e não demonstra, até o momento, muita força para lutar por algo.

Um dos mais desconfortáveis para o torcedor santista é o tabu protagonizado pelo Palmeiras. Desde 2019 que o Santos não supera o rival no Clássico da Saudade. De lá para cá, o Alviverde constrói uma sequência de 12 jogos sem ser derrotado na disputa.

Publicidade

Nos últimos anos, o Peixe passou por algumas situações inéditas ou que não aconteciam há bastante tempo. Por exemplo, ao cair diante do Deportivo Táchira na Sul-Americana do ano passado, foi eliminado de uma competição por um time venezuelano pela primeira vez em 2022. Também na última temporada, o Peixe não ficou entre os 10 primeiros do Brasileirão, fato que não acontecia desde 2009.

No próximo compromisso, frente ao Bahia, o Alvinegro Praiano tentará quebrar mais uma escrita. No caso, o Santos não vence o Tricolor de Aço na Fonte Nova desde 2003. A tentativa de mudar a história acontecerá nesta próxima quarta-feira (31), às 19 horas (de Brasília).

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.