Futebol Eliminação precoce na Copinha não interfere em planos de Ceni sobre juniores no time principal do São Paulo

Eliminação precoce na Copinha não interfere em planos de Ceni sobre juniores no time principal do São Paulo

Quarteto já tinha avisado antes da competição que seriam promovidos por treinador

Lance
Lance

Lance

Lance

A eliminação do São Paulo de forma precoce na Copa São Paulo de juniores não interferiu nos planos do técnico Rogério Ceni sobre quais os atletas das categorias de base tricolor que devem ser promovidos para o time principal e até ganharem chances no decorrer de 2023.

O time de Cotia, treinado pelo ex-lateral Belletti, caiu na segunda fase eliminatória após derrota de virada por 3 a 1 para o América-MG, no domingo (15).


+ Saiba 55 nomes famosos em clubes de menor expressão nos estaduais

Não que a eliminação tenha sido comemorada, evidentemente. Mas segundo o LANCE! apurou, a queda na Copinha antecipou a promoção de Léo Silva, Ythallo, Maioli e Pedrinho Vilhena. Todos, inclusive, podem aparecer entre os relacionados do clube do Morumbi para o duelo contra a Ferroviária, às 19h30 (de Brasília) desta quinta-feira (19), em Araraquara (SP), pela segunda rodada do Campeonato Paulista.

Conforme revelou após o empate sem gols com o Ituano na estreia do Estadual, no último domingo (15), o comandante são -paulino pretende mandar a campo no interior um time diferenciado. Tudo para poupar peças pensando no clássico contra o Palmeiras, domingo (22), na arena do rival.

- (Vamos) estudar uma formação para o jogo contra a Ferroviária, com a alteração de algumas peças, para não termos já na primeira semana um caso de lesão muscular, por excesso de campos pesados, que nós sempre pegamos no Brasil inteiro, mas no estado de São Paulo - disse Ceni.

- Nós vemos pelos jogos da Copinha: gramados sempre encharcados, chovendo bastante… isso
pesa muito para os jogadores. Em algumas posições, deveremos fazer algumas trocas. Não todo o time, mas algumas trocas - completou o treinador são-paulino.

O L! apurou que o quarteto já fora avisado antes da Copinha que atuaria no time principal após a participação tricolor na tradicional competição de base.

Todos eles já vinham trabalhando com uma certa regularidade no CT da Barra Funda. Maioli e Léo Silva, inclusive, já atuaram com Ceni no profissional. Pedrinho Vilhena chegou a ser relacionado. E Ythallo, apesar de estreante, chamou a atenção do treinador e é apontado como grande promessa para a defesa são -paulina.

Entre a lista de promessas de Cotia, falta o lateral-esquerdo Patryck. Também já escalado em partida do time principal, será integrado ao plantel de Ceni tão logo termine sua passagem pela Seleção Brasileira sub-20, que disputa o Sul-Americano da categoria.

Ythallo deve ser o que mais ganhará chances, dado o baixo número de zagueiros no elenco: Alan Franco, Ferraresi, Arboleda e Beraldo. Diego Costa só deve voltar a jogar em março.

Volante, Léo Silva enfrenta forte concorrência no setor. Só para a cabeça de área o clube tem Pablo Maia, Gabriel Neves, Luan e Jhegson Méndez.

Meia-armador, Pedrinho Vilhena é a grande aposta da diretoria tricolor.

Maioli será o reserva imediato de Calleri enquanto essa peça, cobrada publicamente por Ceni, não é contratada. Ganha a concorrência de David, que apesar de ponta, pode fazer as vezes de centroavante.

> Confira jogos, classificação e simule os resultados do Paulistão-23

Últimas