Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Dorival pede cautela com Pato, mas confirma que ataque é uma preocupação para o São Paulo

A expectativa da diretoria é anuncia logo o jogador de 33 anos, mas treinador alerta: reestreia vai demorar

Futebol|Do R7


Alexandre Pato está muito próximo de ser anunciado como reforço do São Paulo para o restante da temporada. Assinará um contrato de produtividade até o final do ano. Uma aposta autorizada pelo técnico Dorival Júnior, que apesar de tudo mantém a cautela quando o assunto é projetar a participação do atacante de 33 anos dentro de sua equipe.

O recado é meio claro: Pato pode até iniciar os treinamentos com o restante do plantel tricolor. Mas não tem como projetar uma data para a sua reestreia oficial pelo clube do Morumbi.

+ ATUAÇÕES: Rafinha faz pênalti infeliz e compromete ótimo trabalho defensivo do São Paulo em Itaquera

- Nós estamos acompanhando a evolução do Alexandre. Não podemos ter pressa. A diretoria está no mercado. A diretoria sabe o momento para iniciar conversa. Está bem administrado com Rui, Belmonte, Muricy. Ainda é cedo, o Pato para este momento a gente não tem como falar, porque está no processo e vai ter uma demora para estar totalmente recuperado fisicamente e temos que respeitar os prazos para a recuperação de uma lesão tão grave.

Publicidade

Conforme o LANCE! revelou, o departamento médico são-paulino deu como encerrado o período de transição do jogador, que se recupera de uma lesão no ligamento cruzado anterior do joelho direito no Reffis desde fevereiro. Pato poderia iniciar os treinamentos com o restante do elenco, caso anunciado esta semana. A dúvida paira sobre a questão física.

E no que o jogador, que teve passagens no clube do Morumbi entre 2013 e 2015, e retornou em 2019, deixando a equipe em agosto de 2020, com 136 jogos, 47 gols marcados e 18 assistências, pode ajudar?

Publicidade

Existe uma preocupação clara de Dorival com o ataque são-paulino. Desde que assumiu, no final do mês passado, o treinador viu sua equipe se manter invicta nos sete jogos disputados - três vitórias e quatro empates. Os gols sofridos caíram (apenas dois no período). Mas os gols também estão rareando. O São Paulo marcou oito gols, apenas quatro nos últimos cinco duelos, com dois empates em 0 a 0 no período.

O que falta? Dorival tenta encontrar uma solução...

- Temos que ter mais definições e as últimas bolas acertadas. O São Paulo está descobrindo possibilidade de jogar por dentro. Aos poucos vamos ganhando possibilidade de estar crescendo, jogando com mais posse. Depois sofremos o gol e não nos abalamos. São pontos positivos que vão sendo mostrada. Que melhoremos mais. Falta algo as vezes individual. Eu fico muito satisfeito porque é pouco tempo, poucas sessões de trabalho e está acontecendo uma integração muito boa.

No clássico contra o rival alvinegro, por exemplo, o comandante tricolor elencou algumas alternativas que observou.

- Uma troca mais rápida de passes, uma aproximação mais rápidas e infiltrações. A gente está tentando entender isso. Quando vem um jogador para vir para o pivô, tem que ter um terceiro jogador para vir e isso não tem acontecido. Quando fizemos a passagem do Rafinha, o passe para trás, foi muito bem coordenada e tínhamos dois ou três com possibilidade de finalização. Estamos jogando de uma forma segura. Um cinturão na frente da área adversária. Não demos nenhuma chance ao Corinthians. Elogiar a equipe que está fazendo aquilo que propusemos.

+ Clique aqui e veja como apostar no Brasileirão

+ Confira os jogos e classificação resultados da Brasileirão-23 na tabela do LANCE!

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.