Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Dorival Júnior explica falhas em derrota do São Paulo e volta a falar de competitividade no Brasileiro: 'Pecamos no momento de decisões'

Mais uma vez, Dorival Júnior falou sobre a dificuldade dos confrontos neste Brasileirão

Futebol|Do R7


Lance
Dorival Júnior reconheceu quais foram as falhas do Tricolor na derrota contra o Grêmio (Foto: Rubens Chiri/ São Paulo FC)

Dorival Júnior explicou quais foram as falhas do São Paulo na derrota contra o Grêmio, por 2 a 1, neste domingo (4). Porém, mais uma vez, o treinador revisitou a competitividade do Campeonato Brasileiro para explicar a situação da equipe na tabela.

Com o resultado, o Tricolor paulista caiu para a sétima colocação, com 15 pontos. Contra o Grêmio, Dorival também apostou em um sistema diferente do que estava acostumado, com três zagueiros, e utilizando Caio e Raí Ramos como alas. Para o treinador, houve um 'descontrole' no primeiro tempo, que custou o resultado - principalmente por conta do pênalti cometido por Alan Franco e pela falha defensiva no gol do Reinaldo.

- Bom, eu acho que houve um descontrole em quinze, talvez vinte minutos do primeiro tempo, e nós pagamos um preço muito alto, né? Que foi bem o momento em que tomamos a virada, o time que sentiu um pouco, é um fato natural, nós espelhamos a marcação em relação à equipe adversária, o Grêmio se sentia muito confortável jogando aqui dentro e, na maioria das vezes, a gente teve uma equipe que marcou com duas linhas de quatro. Grêmio sempre saiu com vitórias assim - explicou.

ATUAÇÕES: Com direito a ‘Lei do Ex’, São Paulo é derrotado pelo Grêmio no Brasileirão; Calleri leva a melhor nota

Publicidade

O treinador afirmou, ainda durante a coletiva de imprensa, que o São Paulo teve chance de buscar - pelo menos -, um empate, mas não aconteceu. Para ele, no 'momento das decisões', a equipe 'pecou'.

+ Todos os jogos do Brasileirão você encontra no Prime Video. Assine já e acompanhe o seu time do coração!

Publicidade

+ Clique aqui e veja como apostar no Brasileirão

+ Confira os jogos e classificação resultados da Copa do Brasil-23 na tabela do LANCE!

– Acho que no primeiro tempo jogamos com segurança, tranquilidade, fizemos o gol e não tínhamos jogo para desesperarmos. O Grêmio adiantou a marcação e daria possibilidades de contra-ataques, mas não aconteceu. O Grêmio teve domínio do jogo. Voltamos para o segundo tempo com uma mudança de comportamento. Tivemos meio mais preenchido e nos aproximamos, começamos troca de passes e infiltrações. Tivemos boas oportunidades para empatar, mas não aconteceu - disse.

- Mas fiquei satisfeito com o que vi, mesmo com a forte marcação do Grêmio. Criamos boas oportunidades, no momento de decisões pecamos - completou.

Sobre a competitividade do Campeonato Brasileiro, Dorival afirmou que é uma das edições mais disputadas dos últimos anos e que exigirá um grau de preparação do São Paulo muito grande, mas também ressaltou que 'não está tranquilo para nenhum time'.

- As dificuldades do campeonato serão dessa maneira, não teremos jogos tranquilos, fáceis, o campeonato desse ano é um dos mais disputados dos últimos, teremos muitas dificuldades, não é fácil para ninguém, para nenhuma equipe. A prova é que estamos aí na oitava, nona rodada e nenhuma equipe ultrapassou limites, todo mundo está embolado, futebol é assim. Derrota no meio de semana foi diferente do que a equipe tinha produzido, hoje jogamos em uma ótima condição, poderíamos ter tido um resultado melhor, talvez com um pouco mais de capricho, mas o campeonato vai exigir muito e o São Paulo precisa estar mais preparado - opinou.

Agora, o São Paulo se prepara para enfrentar o Tolima na quinta-feira (8), pela Copa Sul-Americana. Diante a este confronto, Dorival e sua equipe têm a chance de decidir a classificação para a próxima etapa do continental. No final de semana, enfrenta o Palmeiras em um clássico no Morumbi. O treinador também projetou sobre a partida.

- A decisão é no meio da semana e esse jogo será fundamental. Resguardei sim um ou outro, principalmente o que tínhamos cartões. Precisava de uma equipe forte para o fim de semana, mas também uma forte para o meio de semana. É um jogo decisivo e que nos dará a classificação e a possibilidade de ida para uma das fases mais importantes da Sul-Americana. Vamos buscar o melhor - concluiu.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.