Dirigentes da Inter se irritam com declarações de agente de Lautaro

Na Itália, as palavras de Alberto Yaqué foram interpretadas como uma pressão para que o clube definisse o futuro do argentino que é alvo de interesse do Barcelona no mercado

Lance

Lance

Lance

Os bastidores da Inter de Milão ficaram agitados após declarações de Alberto Yaqué, agente de Lautaro Martínez, a respeito do futuro do jovem argentino. Segundo o “Tuttosport”, Giuseppe Marotta, CEO da equipe, e Piero Ausilio, diretor esportivo, entenderam as palavras do empresário como uma pressão sobre o clube para definir o futuro do atacante.

Na última quinta-feira, Yaqué afirmou para a “Rádio La Plata” que o craque segue com o futuro incerto.

- Existem rumores, vimos muitas pessoas e conversamos, mas nada mais. Qualquer jogador sonha em ser objeto de desejo no mercado, em ter clubes como Barcelona, Real ou Chelsea como opções, mas ele não, ele não se deixa influenciar por nada, está concentrado em seu trabalho. Ele treina e cuida de si mesmo, não está esperando nada.

O camisa 10 é alvo prioritário da equipe blaugrana, mas possui uma multa de 111 milhões de euros (R$ 630 milhões) para ser liberado. Os culés pensam em alternativas para diminuir os custos da transação, como a possibilidade de envolver outros atletas, mas os italianos resistem a essa ideia e esperam contar com Lautaro por mais uma temporada.