Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Dirigente do Corinthians revela interesse de clube italiano por Murillo e não garante zagueiro na Sul-Americana

Alessandro revelou que além do Nottingham Forest, o Torino também está interessado em contratar o zagueiro Murillo

Futebol|

Lance
Lance Lance

O Corinthians recebeu uma proposta oficial do Nottingham Forest, da Inglaterra, pelo zagueiro Murillo, mas pode não ser a única. Após o empate com o Goiás, o gerente de futebol corintiano, Alessandro Nunes, revelou que o Torino, da Itália, está interessado no defensor, que pode ser negociado antes do duelo contra o Estudiantes, na terça-feira (29), pela volta das quartas de final da Copa Sul-Americana.

+ Renove o seu estoque de camisas do Timão com o cupom LANCEFUT 10% OFF

- O mundo do futebol é agora, hoje. Viajamos para a Argentina na segunda, as negociações começaram ontem. Teve interesse do Torino, eles sinalizaram com intenção de mandar alguma oferta oficial e vamos aguardar - concluiu Alessandro.

O gerente deu detalhou sobre como estão as conversas com o clube inglês e evitou falar sobre as cifras envolvidas no negócio.

Publicidade

- O clube recebeu uma proposta do Nottingham Forest no sábado e respondemos ontem. Estamos negociando, esse é o estágio do que ocorreu. Não tem operação finalizada, tanto que ele foi relacionado hoje. Não falamos sobre valores porque você recebe uma proposta, faz contas, e depois tem suas etapas para concretizar ou não - detalhou Alessandro na zona mista.

+ Veja tabela e simule os jogos do Timão no Brasileirão

Publicidade

Segundo apuração do Lance!, o valor conversado gira em 13 milhões de euros (R$ 68,4 milhões na cotação) mais 3 milhões de euros (R$ 15,8 milhões) a serem recebidos por meio de bonificações. A direção corintiana até está disposta a aceitar esse valor, mas deseja manter parte do percentual que possui em relação ao profissional, que hoje é de 80%. A ideia é repassar 60% ao Forest e permanecer com 20%. Os 20% restantes pertencem ao jogador e ao estafe dele.

- Vamos discutir. Geralmente é uma operação que a grande maioria dos clubes estão dispostas a fazer, segurar uma porcentagem futura, porque o porcentagem pode virar um fator econômico para o clube - frisou o gerente corintiano.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.