Futebol Dirigente do Bayern diz que 'seria uma honra' ter Salah no clube, e diz: 'É comparável a Messi'

Dirigente do Bayern diz que 'seria uma honra' ter Salah no clube, e diz: 'É comparável a Messi'

Em entrevista a portal egípcio após vitória sobre o Al Ahly no Mundial de Clubes, Karl-Heinz Rummenigge elogia jogador do Liverpool e diz que atleta é o 'Messi do Egito'

Lance
Lance

Lance

Lance

Enquanto o Bayern segue focado na conquista do tetracampeonato mundial no Qatar, o diretor-executivo do clube, Karl-Heinz Rummenigge, foi indagado pela imprensa egípcia, após a vitória sobre o Al Ahly, sobre Mohamed Salah, o maior ídolo local. E o dirigente disse que "seria uma honra" tê-lo em sua equipe.

+ Veja a tabela do Mundial de Clubes 2020


- No momento, não está em nossos planos contratá-lo, mas seria uma verdadeira honra ter um jogador como ele - disse Rummenigge ao portal egípcio "Kingfut".

+ Tem clube interessado em Alexandre Pato: veja jogadores com passagem por seleção que estão sem time

O ex-jogador do Bayern ainda disse Salah é o "Messi africano" e comparou as qualidades e conquistas do jogador do Liverpool às do argentino.

- Na minha opinião, Salah é o Messi da África e tem qualidade para jogar pelos melhores clubes do mundo. O que ele conseguiu é comparável às conquistas de Messi no Barcelona ou Cristiano no Real Madrid.

Últimas