Futebol Diniz reencontra sequência do seu pior momento no São Paulo

Diniz reencontra sequência do seu pior momento no São Paulo

Técnico balançou no cargo em maus resultados diante do Bragantino, Santos, Internacional e Coritiba. Porém, boa fase e liderança do Brasileirão resgataram confiança no trabalho

Lance
Lance

Lance

Lance

O São Paulo tem adversários que marcaram o clube na sequência da temporada. Isso porque, no primeiro turno, o Tricolor ficou quatro partidas sem vencer no Brasileirão, o que fez o técnico Fernando Diniz balançar no cargo são-paulino.

Retrospectiva: Os 20 momentos mais marcantes do São Paulo na década

A sequência negativa começou justamente diante do Red Bull Bragantino, adversário na noite desta quarta-feira (06), às 21h30, no Estádio Nabi Abi Chedid. Jogando em casa no primeiro turno, o São Paulo empatou com o Massa Bruta por 1 a 1, com direito a dois pênaltis desperdiçados pelo adversário.

VEJA A TABELA DO BRASILEIRÃO

Logo depois, o Tricolor empatou com o Santos por 2 a 2 na Vila Belmiro. Gabriel Sara marcou duas vezes, mas Madson e Marinho empataram o clássico, contando com falha de Volpi no segundo gol santista.

Já o terceiro compromisso do São Paulo no ano será contra do Athletico. No primeiro turno, no entanto, o jogo foi adiantado, e o time de Diniz enfrentou o Internacional, no Beira-Rio. Na ocasião, o Colorado abriu o placar com Thiago Galhardo, mas Luciano deixou tudo igual. Mesmo com um a mais, o Tricolor não conseguiu sair com a vitória.

Para encerrar a sequência, o São Paulo empatou com o Coritiba por 1 a 1, no Couto Pereira, em uma das suas piores partidas no ano. Lutando para não cair e atual lanterna, o Coxa marcou logo no começo com Robson, em belo gol de falta. O Tricolor empatou apenas no final da partida, com gol de Reinaldo batendo pênalti.

Esses resultados negativos quase custaram o cargo de Fernando Diniz, já que, no intervalo dessas partidas, o São Paulo perdeu para LDU e River Plate, sendo eliminado na primeira fase da Copa Libertadores. A equipe chegou a ficar sete jogos sem vencer nesse período.

No entanto, Diniz ficou, consertou os problemas da equipe e atingiu a liderança do Brasileirão e as semifinais da Copa do Brasil. O técnico vem sendo respaldado pelo novo presidente Julio Casares e segue com confiança da torcida e diretoria para continuar com o trabalho no CT da Barra Funda.

Veja as próximas partidas do São Paulo
06/01 (28ª rodada) – Red Bull Bragantino, Nabi Abi Chedid
10/01 (29ª rodada) – Santos, Morumbi
17/01 (30ª rodada) – Athletico-PR, Arena da Baixada
20/01 (31ª rodada) – Internacional, Morumbi
23/01 (32ª rodada) – Coritiba, Morumbi
31/01 (33ª rodada) – Atlético-GO, Antônio Accioly

Últimas