Futebol Diniz justifica ausência de Marinho no Santos: "Existia um risco de lesão"

Diniz justifica ausência de Marinho no Santos: "Existia um risco de lesão"

Atacante deve voltar ao time na estreia no Brasileirão diante do Bahia no sábado

Lance
Lance

Lance

Lance

Após muita especulação, o Santos, enfim, se manifestou sobre ausência do atacante Marinho no duelo desta quarta-feira (26), às 21 horas, no Equador, contra o Barcelona, pela Copa Libertadores. O técnico Fernando Diniz justificou a ausência do camisa 11. Segundo o treinador, a intenção é ter o jogador de volta 100% recuperado.

- Desde a minha chegada, o Marinho vem se empenhando muito. Tanto no tratamento quanto nos treinamentos. Ele está cada vez melhor e em breve vai estar nos ajudando. Tem tratado e treinado continuamente, mas nós achamos melhor ainda resguardá-lo um pouco, pois existe um risco de lesão. E por conta disso preferimos preservá-lo - disse o treinador.

Marinho teve uma lesão muscular na coxa esquerda de grau 1 no clássico contra o Palmeiras, pelo Campeonato Paulista. De lá para cá, o jogador perdeu jogos contra o São Bento, Boca Juniors e The Strongest.

A expectativa é que o atleta eleito o Rei da América em 2020, esteja disponível contra Bahia, na estreia no Brasileiro, no dia 29, e contra o Cianorte, na Copa do Brasil, no próximo dia 1º.

Últimas