Futebol Diniz deve poder escalar São Paulo completo pela primeira vez nesse ano

Diniz deve poder escalar São Paulo completo pela primeira vez nesse ano

Treinador não tem desfalques para encarar o Atlético-GO, no próximo domingo (31), às 16h, em Goiânia. Tricolor ainda não venceu no ano e quer o triunfo para buscar o título 

Lance
Lance

Lance

Lance

O São Paulo deve ter força máxima pela primeira vez no ano contra o Atlético-GO, às 16h, em Goiânia, pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com isso, o técnico Fernando Diniz tem todos os atletas à disposição desde a derrota para o Grêmio por 1 a 0, pela semifinal da Copa do Brasil, dia 23 de dezembro.

Rojas com futuro indefinido: Veja os jogadores do São Paulo que têm contrato somente até 2021

De lá para cá, o Tricolor venceu apenas o Fluminense e soma seis partidas sem vencer, com três derrotas (Red Bull Bragantino, Santos e Internacional) e dois empates (Athletico e Coritiba). Nesses seis jogos, o São Paulo sofreu com lesões e suspensões, sem poder contar com todos os atletas.

SIMULE OS JOGOS DO SÃO PAULO NO BRASILEIRÃO

Contra o Massa Bruta, os desfalques foram Luan (suspenso), Luciano (inflamação na perna), Pablo (lesão na coxa) e Toró (Covid-19). Além disso, Juanfran, com um problema na renovação contratual, também ficou fora. Diante do Santos, Luciano e Toró continuaram sendo desfalques, se juntando com Bruno Alves e Tchê Tchê, que suspensos, não jogaram.

Os problemas continuaram contra o Athletico: Toró e Hernanes (Covid-19); Liziero, Luciano e Walce (lesionados), não participaram da partida. Contra o Inter, em duelo direto pela liderança, Luciano voltou, mas Arboleda, suspenso, foi o desfalque, se juntando a Hernanes Liziero e Walce.

Diniz poderia ter escalado força máxima contra o Coritiba, mas Gabriel Sara sentiu uma indisposição no aquecimento e não participou da partida. Vale destacar que o ônibus do São Paulo foi atacado indo ao Morumbi para o jogo. Agora, diante do Atlético-GO, o Tricolor aposta na formação ideal para vencer a primeira partida no ano.

Agora, o São Paulo conta com todos os atletas à disposição e deve ir a campo contra o Dragão com: Volpi; Juanfran, Bruno Alves, Arboleda e Reinaldo; Luan, Daniel Alves, Gabriel Sara e Igor Gomes; Brenner e Luciano.

Vale ressaltar que o zagueiro Walce o meia Liziero ainda estão lesionados, mas como não eram considerados titulares, não foram contabilizados pelo levantamento.

VEJA OS DESFALQUES E ESCALAÇÕES DO SÃO PAULO em 2021

Red Bull Bragantino 4 x 2 São Paulo - 06/01
Escalação: Volpi, Igor Vinícius, Bruno Alves, Diego Costa e Reinaldo; Tchê Tchê, Daniel Alves, Gabriel Sara e Igor Gomes; Brenner e Vitor Bueno.
Desfalques: Luan (suspenso), Luciano (inflamação na perna), Pablo (lesão na coxa), Toró (Covid-19), Juanfran (burocracia).

São Paulo 0 x 1 Santos - 10/01
Escalação: Volpi, Juanfran, Léo, Arboleda e Reinaldo; Luan, Daniel Alves, Gabriel Sara e Igor Gomes; Brenner e Pablo.
Desfalques: Bruno Alves e Tchê Tchê (suspensos), Toró (Covid-19), Luciano (lesionado)

Athletico 1 x 1 Santos - 17/01
Escalação: Tiago Volpi; Juanfran, Bruno Alves, Arboleda e Reinaldo; Luan, Tchê Tchê, Gabriel Sara, Igor Gomes e Daniel Alves; Brenner.
Desfalques: Toró e Hernanes (Covid-19), Luciano (lesionado)

São Paulo 1 x 5 Internacional - 20/01
Escalação: Volpi; Juanfran, Bruno Alves, Léo e Reinaldo; Luan, Tchê Tchê, Daniel Alves e Gabriel Sara; Brenner e Luciano.
Desfalques: Arboleda (suspenso), Hernanes (Covid-19)

São Paulo 1 x 1 Coritiba - 23/01
Escalação: Volpi; Juanfran, Bruno Alves, Arboleda e Reinaldo; Luan, Daniel Alves, Tchê Tchê e Igor Gomes; Brenner e Luciano.
Desfalques: Gabriel Sara (indisposição) e Hernanes (Covid-19).

Últimas