Corinthians

Futebol Dínamo de Kiev aciona a Fifa por dívida do Corinthians com Sidcley

Dínamo de Kiev aciona a Fifa por dívida do Corinthians com Sidcley

Clube da Ucrânia entrou com ação na entidade por não receber os valores do empréstimo do lateral, acertado no começo desta temporada. Timão diz que já tem acordo acertado

Lance
Lance

Lance

Lance

O Corinthians teve mais um problema com relação as dívidas nesta segunda-feira. O Dínamo de Kiev, da Ucrânia, entrou com uma ação na Fifa pelo não recebimento dos valores referentes ao empréstimo do lateral-esquerdo Sidcley ao Timão.

A informação é do site 'GloboEsporte.com', que confirmou a cobrança com o Corinthians. Segundo a publicação, o Timão disse "que já há entendimentos avançados para um acordo. Com isso, retira-se a ação na Fifa". Acertado no começo desta temporada, o empréstimo do jogador foi fechada por 500 mil euros (R$ 3,2 milhões), dividida em quatro parcelas.

Vale lembrar que, caso persista a punição, o Corinthians corre o risco de não poder mais inscrever jogadores, assim como acontece com o rival Santos. Caso os clube entrem em acordo, porém, a ação na entidade máxima do futebol é extinta.

O Timão já teve problemas com a Fifa nesta temporada. Em janeiro, o uruguaio Montevideo Wanderers entrou com uma ação na entidade cobrando uma parcela em atraso na compra de Bruno Méndez, que era para ter sido paga em junho de 2019. O valor já foi pago pelo clube alvinegro.

Desde que retornou ao Corinthians, Sidcley participou de 17 jogos oficiais. Ao longo da temporada, foi reserva de Carlos Augusto e agora é suplente do jovem Lucas Piton.

Últimas