Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Diante de repercussão, Fluminense paralisa negociações com Clayson

Diretoria avalia reação negativa da torcida tricolor após vazamento das tratativas

Futebol|Do R7


Lance
Pedido de Diniz, Clayson foi acusado de agredir uma mulher em 2021 e, posteriormente, foi absolvido (Foto: Luis Moura / WPP)

As negociações do Fluminense com Clayson tomaram novo rumo. De acordo com o "GE", após o acordo estar bem encaminhado, o vazamento da notícia fez com que o Tricolor das Laranjeiras paralisasse as tratativas. O motivo foi a repercussão negativa da torcida tricolor diante da possibilidade do atacante poder desembarcar no clube.

Clayson foi acusado de ter agredido uma mulher em dezembro de 2021. O caso foi parar na Justiça, mas o jogador foi absolvido por falta de provas. Como torcedores reagiram com maus olhos, o caso preocupa o clube das Laranjeiras, que pode desistir do acordo.

Clayson tinha sido escolhido por Fernando Diniz como ponta para ser alternativa a Keno. O jogador está prestes a encerrar seu contrato com o V-Varen Nagasaki, da Segunda Divisão do Japão, e acena com um retorno ao futebol brasileiro.

A notícia da negociação causou mobilização nas redes sociais para que o Fluminense não contratasse o atacante. De acordo com o "Canal do Lessa", houve divisão entre a cúpula tricolor.

Publicidade

 No fim de 2021, Clayson foi acusado por Danielle Sarti, jovem de 22 anos, de ter sido agredida em um motel em Cuiabá, onde estavam com outros dois homens e duas mulheres. O Cuiabá rescindiu o contrato do atacante, que estava emprestado pelo Bahia. O Tricolor baiano também o dispensou em janeiro de 2022.

O jogador de 28 anos foi atuar fora do país, mas o processo continuou na Justiça. A sentença absolvendo o jogador e os outros dois homens em setembro do ano passado por falta de provas. Segundo a juíza Maria Rosi de Meira Borba, "as partes envolvidas deram versões diferentes e contraditórias sobre a ocorrência".

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.