Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Destaque da Argentina na Copa do Mundo é disputado por três clubes europeus

Alexis Mac Allister, de 24 anos, pertence ao Brighton, da Inglaterra, e está na mira de Chelsea, Arsenal e Atlético de Madrid. Jogador...

Futebol|Do R7

Lance
Lance Mac Allister fez gol na vitória da Argentina contra a Polônia na Copa do Mundo (Foto: JUAN MABROMATA / AFP)

Destaque na conquista da Argentina na Copa do Mundo de 2022, o meio-campista Alexis Mac Allister entrou na mira de grandes times do futebol europeu. De acordo com o canal "TyC Sports", o jogador de 24 anos, que pertence ao Brighton, da Inglaterra, interessa a Chelsea e Arsenal, também do Reino Unido, e Atlético de Madrid, da Espanha.

Apesar do interesse dos clubes, Mac Allister dificilmente deixará o time britânico neste momento. Mesmo com a janela de transferências de inverno no mês de janeiro, o Brighton não pensa em vender seu camisa 10 por agora, o que deve fazer o atenção das equipes se estender até o meio de 2023, no mercado de verão, segundo a imprensa argentina.

+ Veja a tabela e os jogos da Premier League

O clube mais interessado é o Chelsea, que é treinado por Graham Potter. O técnico comandava Mac Allister no Brighton até setembro, quando deixou as Gaivotas para assumir os Blues de Londres. Na atual temporada, o camisa 10 fez 14 jogos pelo time do sul britânico, com cinco gols marcados.

Publicidade

Mac Allister foi contratado pelo Brighton em janeiro de 2019, por 8 milhões de euros (R$ 34 milhões na cotação da época), mas só chegou ao clube inglês no início de 2020. Antes, o meio-campista ficou seis meses emprestado ao Argentinos Juniors, clube que o revelou, e no segundo semestre de 2019 foi repassado ao Boca Juniors. O contrato do atleta é válido até junho de 2025.

+ Lista de jogadores mais valiosos do mundo tem mudanças após a Copa do Mundo; veja top 31

Na Copa do Mundo de 2022, Mac Allister começou o torneio no banco de reservas e não entrou na estreia, quando a Argentina perdeu para a Arábia Saudita. Da segunda partida da fase de grupos até a grande final, porém, o atleta foi titular em todos os seis jogos, com um gol marcado e uma assistência.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.