Futebol Derrota para o Racing quebra tabu de quase 50 anos do São Paulo

Derrota para o Racing quebra tabu de quase 50 anos do São Paulo

O Tricolor nunca havia perdido uma partida de Libertadores no Estádio do Morumbi diante de uma equipe argentina desde sua primeira participação na competição, em 1972

Lance
Lance

Lance

Lance

Na última terça-feira (19), o São Paulo perdeu em casa, por 1 a 0, diante do Racing, da Argentina. O resultado adiou a possível classificação da equipe para o mata-mata da competição e, ainda, marcou a primeira derrota do Tricolor no Morumbi contra uma equipe argentina na história da Libertadores.


VEJA COMO FICOU O GRUPO DO SÃO PAULO NA LIBERTADORES APÓS O JOGO!

Desde sua primeira participação na Libertadores, em 1972, o São Paulo nunca perdeu uma partida da competição jogando em seu estádio diante de um time da Argentina.

Ao todo, jogando dentro ou fora de casa, o Tricolor enfrentou clubes argentinos 31 vezes na Libertadores. Desses confrontos, o time paulista venceu 12, empatou seis e perdeu 13.

No Morumbi, contra equipes argentinas na Libertadores, o São Paulo entrou em campo 15 vezes, saindo vitorioso em 11 partidas, empatando outras três e perdendo apenas no jogo contra o Racing.

Na partida de ida, no Estádio Presidente Perón, popularmente conhecido como 'El Cilindro', em Avellaneda, o Tricolor empatou por 0 a 0. O time paulista nunca venceu o Racing na Libertadores.

O São Paulo volta a campo na quinta-feira (20), para enfrentar o seu rival, o Palmeiras, na primeira partida da final do Campeonato Paulista. A bola rola a partir das 22h, no Allianz Parque.

Após poupar titulares no confronto diante do Racing, o Tricolor chega com força total para a decisão do estadual que pode tirar o clube de um jejum de quase nove anos sem títulos.

Últimas