Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Da Europa para o Oriente Médio: cinco craques que disseram ‘sim’ ao Futebol Árabe

Relembre a trajetória dos jogadores que trocaram grandes clubes para jogar na Arábia

Futebol|

Lance
Lance Lance

O que leva grandes jogadores, que fizeram carreira em clubes de tradição, a assinarem com os times do Futebol Árabe? Seriam os contratos milionários, a idade e o fim da carreira, ou será o crescimento da liga que brilha os olhos dos astros?

O fato é: a Arábia Saudita tem se destacado com as contratações de grandes craques do futebol internacional. Com o investimento pesado para reforçar seus principais clubes e com o sonho de levar a Copa do Mundo ao Oriente Médio em 2034, a liga já atraiu nomes como Cristiano Ronaldo e Karim Benzema. 

O Lance! listou cinco astros do futebol que deixaram grandes clubes na Europa para aceitar ofertas milionárias da Arábia. Relembre a trajetória dos jogadores!

!O pioneiro!

Publicidade

> Cristiano Ronaldo iniciou sua trajetória como jogador no Sporting, de Portugal. 

> Em 2003, se transferiu para o Manchester United, da Inglaterra, onde jogou por seis anos.

Publicidade

> Em 2008, conquistou sua primeira Champions League e recebeu o prêmio de melhor do mundo também pela primeira vez.

> No ano seguinte, foi contratado pelo Real Madrid, onde venceu todos os títulos possíveis, incluindo quatro Champions League e três Mundiais de Clubes. 

Publicidade

> Depois de 9 anos, em 2018, se mudou para a Itália para defender a Juventus. 

> Em 2021, retornou ao United e fez uma grande primeira temporada, mas passou em branco no tocante à conquista de títulos. 

Publicidade

> No segundo semestre de 2022, problemas com o treinador Erik ten Hag o levaram a deixar o United.

> Em dezembro do mesmo ano, acertou com o Al-Nassr, sendo o primeiro grande craque europeu a assinar com o futebol árabe, abrindo as portas para outros astros mundiais.

+ É fã do maior jogador da história do Real Madrid? Separamos os melhores produtos do clube espanhol a partir de R$49,90. Confira!

A transferência se concretizou dois meses antes de completar 38 anos, quando passava por uma certa decadência de ritmo de jogo, visível nos jogos do Manchester United em 2022-23. 

Com sua ida para o Al-Nassr, Cristiano se transformou no jogador mais bem pago do futebol mundial! O valor faturado anualmente, incluindo bônus comerciais, patrocínios e privilégios na Arábia Saudita, chega à casa de 200 milhões de euros por ano (R$ 1,1 bilhão). Desde a sua chegada ao Al-Nassr, o português jogou 19 partidas pelo clube, com 14 gols e duas assistências.

‘Ele é pequeno, ele é gentil’!

N'Golo Kanté teve uma infância difícil e passou por diversos problemas ao longo de sua trajetória. Foi catador de lixo quando criança; aos 11 anos perdeu o pai; meses antes de sua maior conquista como jogador, perdeu um irmão; mas nunca desistiu e é um dos jogadores mais queridos e aclamados do futebol. 

> O volante francês iniciou sua carreira no Boulogne e no Caen, sem relevância massiva. 

> Em 2014, o Leicester o contratou e a partir daí tudo mudou. 

> Kanté foi um dos grandes jogadores dos Foxes na temporada 2015-16, que terminou com o histórico título da Premier League, e logo se transferiu para o Chelsea. 

> Nas temporadas seguintes, conquistou a Premier League, foi campeão da Champions League e alcançou o ápice ao erguer o troféu da Copa do Mundo de 2018 com a França.

+ Comece a sua coleção de camisas das principais seleções do mundo! Cupom LANCEFUT para 10% OFF nas compras acima de R$299,90

A ida para o futebol árabe é controversa. Mesmo com 32 anos, Kanté ainda tem nível técnico, tático e físico para atuar no grande escalão europeu, mas optou pela onda de transferências para o Oriente Médio muito devido à questão financeira, que tem movido grandes estrelas. 

O contrato do meio-campista francês com o Al-Ittihad durará até 2027 a princípio, com um salário de 25 milhões de euros anuais (o equivalente a R$ 130 milhões), ampliando o faturamento que no Chelsea correspondia a menos de 100 milhões de reais por ano.

¡Si, Señor!

> Firmino estreou pelo profissional do Figueirense em 2009, fez boas atuações e despertou o interesse do Hoffenheim, da Alemanha, concretizando a transferência em 2011.

> Quatro anos depois, após um 2013-14 brilhante com a equipe alemã, se transferiu para o Liverpool. Começava ali uma relação de idolatria. 

> Foram oito anos de futebol em altíssimo nível, golaços e uma paixão gigante do torcedor, que criou uma música para o brasileiro, denominada "Si, Señor!". 

> Em 2019, marcou o gol do título do Mundial de Clubes, em vitória sobre o Flamengo por 1 a 0, já na prorrogação. 

> Após sofrer com algumas lesões em 2022-23 e não renovar com o clube inglês, onde jogou por oito anos, o atacante brasileiro assinou com o Al-Ahli.

+ É fã do eterno camisa 9? Veja essa lista com itens do Liverpool com até 60% OFF

Sua escolha, assim como a de Kanté, também foi surpreendente, o que mostra como a Liga Árabe vem crescendo aos olhos dos jogadores. 

Bobby, como é apelidado na Europa, receberá cerca de 22 milhões de euros por temporada no Oriente Médio, o equivalente a R$ 117,8 milhões. 

O Bola de Ouro aos pés da Arábia

> Karim Benzema iniciou sua carreira no Lyon, estreando nos profissionais do clube em janeiro de 2005. 

> Nos anos seguintes, o centroavante francês despontaria como um dos grandes atacantes do momento, fazendo dupla com o brasileiro Fred. 

> Em 2009, na mesma janela de Cristiano Ronaldo, foi anunciado pelo Real, em uma negociação de 41 milhões de euros. 

> Com a saída do português em 2018, Benzema precisou assumir um papel maior de responsabilidade e, com o crescimento de Vinícius Jr nos anos seguintes, se transformaria em outro jogador. 

> Na temporada 2021-22, foi o artilheiro da Champions League, em campanha que terminou com o título do Real. Foram 10 gols no mata-mata, incluindo dois hat-tricks. 

> As famosas "noites mágicas europeias" renderam ao centroavante o prêmio Bola de Ouro em 2022. 

> Após 14 temporadas, Benzema deixou a equipe espanhola e assinou com o Al-Ittihad, um dos clubes mais tradicionais do Oriente Médio.

+ Chute certeiro! Confira as chuteiras do Bola de Ouro de 2022

A ida para o clube Saudita se assemelha aos motivos de Cristiano Ronaldo. Além da viabilidade financeira, uma liga com um calendário menos apertado e menos competitividade foi a melhor opção para que o jogador tenha menos desgaste físico e volte a brilhar. 

O contrato com o Al-Ittihad é válido até 2026 e o atacante recebe cerca de 172 milhões de euros anuais.

Um diamante no Oriente Médio

Édouard Mendy despontou tardiamente no futebol do alto escalão, e por isso, quase chegou a desistir do futebol. Com passagens por clubes menores da França, como Le Havre e Stade de Reims, seu primeiro momento de grande destaque foi com o Rennes, quando fez grande campanha na temporada 2019-20 e ajudou a equipe a se qualificar para a Champions League. 

> Em setembro de 2020, o goleiro senegalês foi contratado pelo Chelsea por cerca de 22 milhões de euros. Em sua primeira temporada, Mendy foi uma das principais peças da equipe. 

> Em janeiro de 2022, Mendy foi eleito o melhor goleiro do mundo pelo The Best, prêmio da Fifa. 

> Na última temporada, porém, acabou perdendo a titularidade para o espanhol Kepa Arrizabalaga e atuou em apenas 12 jogos, sofrendo gol em 11 deles.

> Sua transferência para o Al-Ahli é semelhante aos motivos de Roberto Firmino. Era um jogador que ainda tinha mercado no futebol europeu, mas uma temporada em baixa o tirou dos holofotes e a oportunidade financeira, no fim das contas, acabou falando um pouco mais alto.

+ Torce para o Chelsea? Aproveite para atualizar a blusa do seu clube internacional!

Mendy deve receber, no futebol árabe, um salário em torno de 11 milhões de euros fixos, além de mais 2,5 milhões em bônus variáveis, atingidos através de metas. O valor pago pelos árabes ao Chelsea está estimado em 17 milhões de euros, um pouco abaixo do valor da compra realizada pelos Blues em 2020.

+ Veja quem são os maiores goleiros da Premier League 2023 e confira uma lista com tudo que você precisa para se tornar um goleiro amador

E aí, quem você acha que vai ser o próximo recrutado pelo Futebol Árabe? 

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.