Futebol Crespo manifesta desejo de treinar a Seleção Brasileira: 'Argentinos e brasileiros podem conviver'

Crespo manifesta desejo de treinar a Seleção Brasileira: 'Argentinos e brasileiros podem conviver'

Ex-técnico do São Paulo admitiu que seria um desafio social treinar o Brasil

Lance
Lance

Lance

Lance

Um "hermano" treinando a Seleção Brasileira? Esse é um sonho de um conhecido treinador. Em entrevista ao jornal argentino 'Olé', Hernán Crespo manifestou sua vontade de um dia comandar a Seleção. O treinador exaltou o carinho que recebeu no Brasil.

Crespo, que recentemente treinou o São Paulo, tratou o fato de um argentino treinando a Seleção Brasileira, como um desafio de romper as barreiras da rivalidade entre os países.

- Seria um desafio. Sabem por quê? Me inspira. A seleção argentina está por cima de tudo, mas seria um desafio até mesmo educacional. Para mostrar que argentinos e brasileiros podem conviver. Me parece que para o mundo esportivo seria muito bom romper estas estruturas. Seria socialmente bacana. Um argentino treinando a Seleção Brasileira seria ótimo - destacou.

Com gols de Roberto Firmino e Salah, Liverpool vence a Inter de Milão e larga em vantagem na Champions

O argentino ainda comentou sobre o fato de não ter conhecido mais o país por conta do calendário no futebol brasileiro.

- Conheci pouco do Brasil, porque jogávamos a cada três dias, eram muitas viagens. Foi lindo. Fui muito bem tratado no São Paulo e no Brasil, por isso seria um sonho treinar a Amarelinha - disse.

Crespo teve uma passagem curta no São Paulo, mas foi campeão paulista em 2021, tirando o time de uma seca de 9 anos sem título. Porém, após ser eliminado na Libertadores e na Copa do Brasil, além de acumular maus resultados no Brasileirão, foi demitido do cargo.

Crespo ainda teve passagens no Modena, da Itália e pelos clubes argentinos Banfield e Defensa y Justicia, onde foi campeão da Sul-Americana em 2020.

Últimas