Futebol Craque do futebol saudita deixa mundo árabe e acerta com o Ajax, afirma jornal

Craque do futebol saudita deixa mundo árabe e acerta com o Ajax, afirma jornal

Aporte do Fundo de Investimento Público local gerou onda de transferências para o Oriente Médio em 2023

Lance
Lance

Lance

Lance

O meio-campista Jordan Henderson, ex-capitão do Liverpool e atualmente no Al-Ettifaq, da Arábia Saudita, está de saída do mundo árabe. Segundo o "The Athletic", o jogador já tem acerto com o Ajax para retornar à Europa em movimento grátis.

➡️ Siga o Lance! no WhatsApp e acompanhe em tempo real as principais notícias do esporte

O salário de Henderson será reduzido em cerca de 75% em relação ao que recebe no Oriente Médio. Além disso, os termos de rescisão contratual com o Al-Ettifaq ainda estão sendo resolvidos: caso o desempenho na Holanda seja positivo, o meia terá de pagar valores bônus ao clube comandado por Steven Gerrard.

Um dos motivos que levaram o atleta a optar pela volta ao Velho Continente foi o medo de perder sua vaga entre os selecionados da Inglaterra para a Eurocopa, que acontecerá em 2024, na Alemanha. Além disso, a polêmica em relação à comunidade LGBTQIAP+ também foi um fator decisivo: em sua época no Liverpool, Jordan era defensor dos direitos do grupo, mas a transferência para um país que pune membros da comunidade gerou grandes insatisfações no Reino Unido.

Com a camisa do Al-Ettifaq, "Hendo" não balançou as redes em 19 partidas realizadas, mas contribuiu com cinco assistências. Os Cavaleiros de Ad-Dahna ocupam apenas a oitava colocação da Saudi Pro League.

➡️ Roma anuncia demissão de José Mourinho, ex-alvo da Seleção

O aporte financeiro realizado pelo Fundo de Investimento Público da Arábia Saudita não chegou a beneficiar o clube economicamente, mas aumentou a visibilidade da liga. Isso levou a chegada de nomes conhecidos na Europa: além do próprio Henderson e de Gerrard, o atacante Moussa Dembélé e os meias Demarai Gray e Wijnaldum toparam o movimento em 2023.

Últimas