Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Courtois abandona seleção da Bélgica por não ser capitão e técnico abre o jogo: 'Estou em choque'

Goleiro se irritou com decisão do treinador, que optou por dar braçadeira ao atacante Lukaku

Futebol|Do R7


Lance
Courtois era um dos destaques da seleção da Bélgica (Foto: KENZO TRIBOUILLARD / AFP)

A crise no elenco da seleção da Bélgica parece não ter fim. Após as controvérsias que culminaram na eliminação na fase de grupos na Copa do Mundo do Qatar, os belgas convivem com mais uma polêmica. O goleiro Thibaut Courtois abandonou a concentração do selecionado após a decisão do treinador Domenico Tedesco em dar a faixa de capitão para o atacante Romelu Lukaku, no empate por 1 a 1 contra a Áustria.

Segundo o treinador, a ideia era que Lukaku fosse capitão nesta partida e que a braçadeira ficasse com Courtois no jogo diante da Estônia, que acontece nesta terça-feira. O dono da faixa é Kevin De Bruyne, que está ausente desta Data-Fifa por conta da lesão sofrida na final da Uefa Champions League, entre Manchester City e Inter de Milão. Courtois não gostou da decisão e não se reapresentou, antecipando suas férias e abandonando a equipe, o que desmente a declaração inicial do pai do atleta, que afirmou que o goleiro do Real Madrid havia sofrido uma contusão.

+ Cupom LANCEFUT com 10% OFF para os fanáticos por esporte em compras acima de R$299,90

- Estou em choque. Juntos, decidimos que Romelu Lukaku seria o capitão contra a Áustria, e Thibaut Courtois seria contra a Estônia. Estava tudo certo para todos, mas depois do jogo, ele de repente quis conversar comigo e disse que iria para casa porque estava decepcionado e se sentia ofendido. É algo que parece estar adormecido por muito tempo, trata-se de valorização. Desde o início, tentei mostrar a ele que dou o valor que ele merece. Estou em choque - declarou Tedesco, que seguiu.

Publicidade

+ Uruguai x Cuba: onde assistir, horário e prováveis escalações de amistoso

- Eu gostaria de dizer que ele está lesionado, como disse seu pai. Mas isso não é verdade. Não vou mentir para vocês (jornalistas), para a equipe, para os jogadores. Eu realmente não posso fazer isso. Ele teve alguns problemas, mas foi o mesmo antes do jogo contra a Áustria e depois do jogo. Não é sobre isso. Eu não queria concordar com aquela história sobre a lesão - afirmou o técnico da Bélgica.Courtois abandona a seleção belga (Foto: JACK GUEZ / AFP)

Em meio a mais uma polêmica, a Bélgica enfrenta a seleção da Estônia nesta terça-feira, às 15h45 (de Brasília), em Tallinn, pela quarta rodada do Grupo F das Eliminatórias da Euro.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.