Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Corinthians: Luxemburgo volta atrás e tenta encaixar Yuri Alberto e Róger Guedes no time titular

Treinador do Timão mudou esquema tático do time na derrota para o Flamengo

Futebol|Do R7


Lance
Yuri Alberto e Róger Guedes atuaram juntos diante do Flamengo (Foto: Rodrigo Coca / Agência Corinthians)

O momento delicado do Corinthians comandado pelo técnico Vanderlei Luxemburgo abre discussões relacionadas ao time titular e, consequentemente, às escolhas do treinador. Na derrota por 1 a 0 para o Flamengo no último domingo (21), no Maracanã, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro, Luxa optou por mudar o esquema do time para o 4-4-2, voltando com Yuri Alberto e Róger Guedes juntos na equipe titular do Timão, algo que ele não faria, a princípio.

+ Após sétimo jogo do Corinthians sem vitória, Alessandro banca permanência de Luxemburgo

Antes, Luxemburgo deixou claro que prefere Róger Guedes atuando mais centralizado, em declaração após jogo contra o Fortaleza, no dia 8 de maio. Ele também deu a entender que quando o camisa 10 joga pela ponta com Yuri no comando de ataque, a equipe fica vulnerável defensivamente.

- Você percebeu que eu dei uma liberdade para ele (Róger Guedes) e em duas jogadas do primeiro tempo ele recebeu bola na frente com condições de ir para o gol? Ele pode jogar no lado, mas ficamos vulneráveis. Nós trouxemos o Biro (no segundo tempo), porque o Yuri não tem característica de meio-campo. Biro pode fazer as três. Róger jogando pela esquerda, com Yuri, nos traz uma vulnerabilidade importante, mas pode acontecer ao longo do jogo - disse Luxemburgo em entrevista coletiva.

Publicidade

O discurso de Luxemburgo era similar ao de Vítor Pereira, que em um primeiro momento relutou em colocar os dois atacantes juntos no time pelo mesmo motivo.

+ ANÁLISE: Corinthians segue afundado na crise, mas evolui pela primeira vez com Luxemburgo

Publicidade

A MUDANÇA DE IDEIA

Apesar da má fase de Yuri Alberto, Luxa insistiu na tentativa de encaixar o camisa 9 ao lado de Róger Guedes, acreditando que o poder de fogo da dupla pudesse superar as vulnerabilidades defensivas.

Publicidade

Na saída de campo após o confronto, o próprio camisa 10, que jogou com menos obrigações na marcação, reconheceu a evolução da equipe, que chegou a ser superior ao Flamengo em momentos da partida.

- Mais uma vez a vitória não veio, mas hoje saiu um pouco mais feliz por sentir que nós jogamos. Estávamos deixando de jogar, conversei isso lá dentro, para tentar agredir o adversário, e hoje aconteceu. Atitude, essa era a cobrança que nós fizemos no vestiário, independente se vai errar atrás, no meio, não só marcar o adversário. Hoje fomos muito bem no jogo, mas a vitória não veio. Se jogarmos assim e nos impormos fora de casa, vamos conseguir os três pontos e ganhar as partidas - disse Guedes.

Agora o Corinthians se prepara para o seu próximo compromisso: a Libertadores. O Timão entra a campo nesta quarta-feira (24), contra o Argentinos Juniors-ARG, às 21h30, no Estádio Diego Armando Maradona, pela quarta rodada da fase de grupos.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.