Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Corinthians é condenado a pagar quantia milionária a Jadson; clube pode ser impedido de registrar novos reforços

Ação na Câmara de Disputas da CBF envolve valores que o meia tem a receber após saída do Timão, em 2020

Futebol|

A Câmara Nacional de Resolução de Disputas (CNRD) da CBF determinou que o Corinthians pague R$ 11 milhões ao ex-meia Jadson, que defendeu o Alvinegro entre 2014 e 2015 e 2017 e 2019. O Timão tem 15 dias para realizar o pagamento, e ambas partes já foram notificadas.

+ Cássio comete pênalti infantil, Corinthians sofre na criação e é amassado pelo Botafogo; veja notas

As dívidas são referentes ao descumprimento na dispensa do jogador, em 2020, e ausência de pagamentos de salários, multas, juros e honorários advocatícios. Esse valores, somados a multas e correções, giram em torno de R$ 11 milhões. A informação foi divulgada inicialmente pelo ge.

+ Todos os jogos do Brasileirão você encontra no Prime Video. Assine já e acompanhe o seu time do coração!

Publicidade

Por mais que admita a dívida com o atleta, o Corinthians pode entrar com um recurso na CBMA (Centro Brasileiro de Mediação de Arbitragem) para reverter a decisão. O clube alvinegro possui sete dias para informar se buscará o recurso.

+ Veja tabela e a situação do Timão no Brasileirão

Publicidade

Caso o Corinthians não honre o pagamento, o clube pode ser impedido de registrar novos profissionais, além de ter suas premiações em competições da CBF bloqueadas “por período determinado não inferior a seis meses nem superior a dois anos".

Somando as suas passagens pelo Timão, o ex-camisa 10 fez 245 partidas pelo clube alvinegro, marcando 50 gols e conquistando os títulos Paulista em 2017, 2018 e 2019, e Brasileiros de 2015 e 2017.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.