Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Conheça a 'nova casa' do Barcelona durante as reformas do Camp Nou

Equipe blaugrana ficará sem seu estádio até novembro de 2024

Futebol|Do R7

Lance
Lance Lance

O Barcelona iniciou as obras no Camp Nou e já comunicou à Real Federação Espanhola de Futebol (RFEF) que jogará em novo estádio durante as reformas. A nova casa blaugrana será o Estádio Olímpico de Montjuïc, que será utilizado a partir da próxima temporada. A conclusão das obras no Camp Nou está prevista para novembro de 2024.

+ Barcelona comunica federação espanhola sobre mudança de casa

O Estádio Olímpico é oficialmente nomeado Estadi Olímpic Lluís Companys, nome de um político catalão que encabeçou a luta pelo Governo da Catalunha na Guerra Civil espanhola. O estádio tem capacidade para 56 mil pessoas e pertence à Prefeitura de Barcelona, mas foi casa do rival local do Barça, o Espanyol, por cerca de 10 anos. É o sexto maior estádio do país e receberá um investimento do Barcelona de cerca de 20 milhões de euros para reparos e adaptações.

QUASE CENTENÁRIO

Publicidade

O Estádio Olímpico de Montjuïc foi construído em 1927, para a Exposição Internacional ocorrida na Espanha dois anos depois. Foi arquitetado por Pere Domènech i Roura e tinha capacidade para 62 mil pessoas, ficando atrás apenas do Wembley em número de capacidade na Europa ao fim das obras. O primeiro jogo ocorrido no estádio foi entre a seleção nacional da Catalunha e o Bolton, da Inglaterra, vencido por 4 a 0 pelos donos da casa em 1929.

Depois de alguns anos recebendo finais e eventos importantes, o Olímpico não foi utilizado nos anos 70 e acabou se deteriorando, sendo renovado pelo arquiteto italiano Vittorio Gregotti para as Olimpíadas de 1992. Com a demolição do Estádio Sarriá - conhecido pela Tragédia de Sarriá, na eliminação do Brasil para a Itália na Copa do Mundo de 1982 -, o estádio acabou se tornando a nova casa do Espanyol até 2009, quando se encerrou a construção do Cornellà El Prat, até hoje a casa dos Periquitos.

Publicidade

+ Confira os confrontos da Copa do Brasil

EVENTOS IMPORTANTES

Publicidade

​O Olímpico recebeu grandes jogos ao longo da história do futebol espanhol, com direito a boas recordações para o Barcelona. São nove finais de Copa do Rei disputadas em Montjuïc, sendo oito entre 1930 e 1957 e uma em 2004, com o clube blaugrana vencendo a edição de 1957 justamente sobre o rival Espanyol por 1 a 0.

A seleção da Espanha também disputou partidas no Olímpico, todas amistosas. Foram oito ao longo da história, com quatro vitórias, três empates e uma derrota. O jogo mais recente na nova casa do Barça foi em 2004, na vitória por 2 a 1 sobre o Peru, com gols de Etxeberría e Rúben Baraja. A Andorra também mandou jogos no Olímpico: foram três derrotas em três jogos, uma para a França e duas para a Inglaterra.

Os jogos mais recentes ocorridos em Montjuïc foram disputados pela seleção dos Emirados Árabes Unidos, em 2018, no empate em 1 a 1 com Honduras e na derrota por 2 a 0 para a Venezuela.

+ Messi e Barcelona iniciam conversas para retorno

CASA DA BOLA OVAL

​Nem só de futebol viveu o Olímpico. Os Jogos Olímpicos e Paralímpicos de 1992, lutas de boxe e eventos de atletismo também passaram por lá, mas o grande carro-chefe do estádio eram os jogos de rugby e futebol americano. O primeiro evento em sua história foi uma partida de rugby entre Espanha e Itália, sendo este o primeiro jogo na história da seleção espanhola, vencendo por 9 a 0. O futebol americano também foi realidade por lá: foi casa do Barcelona Dragons, principal time catalão no esporte, e sediou a final do World Bowl de 1997, vencido justamente pelos Dragons. Além disso, recebeu dois jogos da NFL entre 1993 e 1994.

+ Agüero sofre pequena arritmia cardíaca durante live; assista

O Barcelona mandará os jogos da temporada 2023-24 e o início da temporada 2024-25, pelo menos, no Olímpico. A Uefa ainda será comunicada sobre a utilização do estádio em suas competições oficiais. O Camp Nou deve passar por uma expansão de capacidade para 110 mil pessoas - atualmente recebe 96 mil -, se tornando o terceiro maior estádio do mundo. O valor total do investimento no estádio é de quase 5 bilhões de reais.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.